0

Itália sediará cúpula global de saúde em 2021

Iniciativa será promovida pela União Europeia

16 set 2020
09h19
atualizado às 09h31
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Após ter sido duramente atingida pela pandemia do novo coronavírus, a Itália sediará uma cúpula mundial de saúde em 2021, quando assumirá a presidência rotativa do G20.

Cúpula de saúde é uma iniciativa conjunta de Itália e UE
Cúpula de saúde é uma iniciativa conjunta de Itália e UE
Foto: ANSA / Ansa - Brasil

O anúncio foi feito nesta quarta-feira (16) pela presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, em seu primeiro discurso sobre o estado da União no Europarlamento, em Bruxelas.

"Com o presidente do Conselho [primeiro-ministro] Giuseppe Conte e a presidência italiana do G20, organizaremos na Itália uma cúpula global sobre saúde para demonstrar que a Europa protege os cidadãos", disse.

Segundo informações de bastidores, o encontro provavelmente acontecerá em Roma, mas ainda não tem data definida. "Feliz de hospedar a Cúpula Global de Saúde com Ursula von der Leyen. Unidos protegemos nossa saúde e construímos um futuro melhor para as próximas gerações", afirmou Conte no Twitter.

A Itália chegou a ser o país mais atingido pela pandemia do novo coronavírus e hoje contabiliza cerca de 290 mil casos e mais de 35,6 mil óbitos, de acordo com dados do Ministério da Saúde. 
   

Veja também:

A igreja que conecta fiéis a Deus com a ajuda do álcool
Ansa - Brasil   
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade