PUBLICIDADE

Itália ativa ponte aérea para evacuar mais 500 afegãos

País já acolheu cerca de 5 mil refugiados durante retirada

27 nov 2021 14h59
| atualizado às 15h15
ver comentários
Publicidade

A Itália ativou uma ponte aérea com países vizinhos do Afeganistão para evacuar outros 500 ex-colaboradores e suas famílias.

Afegãos evacuados pela Itália chegam em Brescia, norte do país europeu, em 21 de agosto de 2021
Afegãos evacuados pela Itália chegam em Brescia, norte do país europeu, em 21 de agosto de 2021
Foto: ANSA / Ansa - Brasil

A operação foi batizada como "Aquila Omnia-Bis" e vai beneficiar pessoas que estão em nações que fazem fronteira com o Afeganistão ou que tenham documentos permitindo sua saída do país asiático.

Os refugiados serão transferidos para a Itália em voos comerciais, mas sob a coordenação das Forças Armadas. O primeiro contingente, formado por sete afegãos, chegou em Roma nesta semana, incluindo uma mulher no nono mês de gestação.

Após o desembarque, a afegã foi levada para um hospital na capital italiana e deu à luz uma menina. Também nesta semana, a Itália acolheu Sharbat Gula, afegã imortalizada em uma capa da revista National Geographic em 1985, quando era criança.

Em agosto passado, durante a caótica retirada das tropas ocidentais do Afeganistão, a Itália evacuou cerca de 5 mil refugiados do país asiático.  

Ansa - Brasil   
Publicidade
Publicidade