PUBLICIDADE

Imigrantes ilegais serão repatriados, diz chanceler italiano

17 ago 2020 18h37
| atualizado às 19h01
ver comentários
Publicidade

O ministro das Relações Exteriores da Itália, Luigi Di Maio, afirmou nesta segunda-feira (17) que todos os imigrantes que chegam de forma irregular no país europeu não poderão aproveitar as oportunidades de regularização.
    "O único resultados da chegada irregular é o repatriamento", ressaltou o chanceler durante visita a Túnis, após encontro com o presidente tunisiano, Kais Saied.
    "Por outro lado, o fenômeno migratório é muito complexo e acreditamos que deve ser abordado num quadro amplo. Por isso, reafirmamos a máxima disponibilidade da Itália para prosseguir as negociações de um acordo no domínio da migração que visam formas virtuosas de integração", finalizou.

Ansa - Brasil   
Publicidade
Publicidade