PUBLICIDADE

Mundo

Fortes chuvas provocam inundações e deslizamentos de terra na Suíça

22 jun 2024 - 15h45
Compartilhar
Exibir comentários

Serviços de emergência com helicópteros, drones e cães de resgate procuravam três pessoas desaparecidas neste sábado após chuvas violentas causarem inundações e deslizamentos de terra no sudoeste da Suíça.

O MeteoSchweiz,  escritório do governo para tempo e clima, disse que caíram 124 mm de chuva no vale de Mesolcina, no cantão de Grisons, na sexta-feira, com 63 mm caindo em um período de uma hora.

"Não foi o nível de chuva, mas a concentração de chuva em um período de tempo tão curto que causou os problemas", disse um porta-voz da MeteoSchweiz.

"Essa concentração de chuva ocorre apenas uma vez a cada 30 anos."

Vários rios transbordaram no vale Mesolcina, também conhecido como Misox, cobrindo estradas, campos e vilarejos com entulho, terra e madeira.

Três casas e três carros foram arrastados pela água no vilarejo de Sorte, segundo a polícia de Grisons. Dois policiais conseguiram escapar de seu veículo, que ficou submerso até o teto.

Inicialmente, quatro pessoas foram dadas como desaparecidas, embora uma mulher tenha sido encontrada mais tarde sob os escombros e levada para o hospital na vizinha Lugano. Ainda estavam sendo feitas buscas por outras três pessoas que, segundo a polícia, poderiam estar em suas casas quando ocorreu a inundação.

A polícia pediu que as pessoas não viajassem para a região, pois muitas estradas estavam fechadas. Cinco vilarejos ficaram sem eletricidade.

No cantão ocidental de Valais, 230 pessoas foram retiradas de casa desde sexta-feira, após fortes chuvas causarem inundações e deslizamentos de terra.

A estrada e a linha de trem para a cidade de Zermatt, próxima à montanha Matterhorn, também foram fechadas, embora a polícia tenha dito que esperava reabrir as rotas na noite deste sábado.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade