PUBLICIDADE

Mundo

Forças israelenses amarram palestino ferido a um jipe durante ataque

22 jun 2024 - 16h30
Compartilhar
Exibir comentários

Forças do Exército israelense amarraram um homem palestino ferido ao capô de um jipe militar neste sábado durante uma operação de prisão na cidade de Jenin, na Cisjordânia ocupada.

Vídeo que circula nas mídias sociais verificado pela Reuters mostra um palestino residente de Jenin -- Mujahed Azmi -- no jipe, que passa por duas ambulâncias.

Em comunicado, o Exército afirmou que as forças israelenses foram alvejadas e trocaram tiros, ferindo um suspeito e prendendo-o.

Os soldados então violaram o protocolo militar, disse o comunicado.

"O suspeito foi levado pelas forças enquanto estava amarrado em cima de um veículo", disse o comunicado.

O Exército disse que a "conduta das forças no vídeo do incidente não está de acordo com os valores" dos militares israelenses e que o incidente será investigado e tratado.

O indivíduo foi encaminhado para tratamento médico, disse o Exército.

A Reuters conseguiu identificar o local a partir de imagens de confirmação e verificadas das mídias sociais, que mostram um veículo transportando o indivíduo amarrado em cima de um veículo, em Jenin. A data foi confirmada por uma testemunha ocular entrevistada pela Reuters.

De acordo com a família de Azmi, houve uma batida policial e ele foi ferido. Quando a família pediu uma ambulância, o Exército pegou Mujahed, amarrou-o no capô e partiu.

A violência na Cisjordânia, que já estava em alta antes da guerra entre Israel e o Hamas em Gaza, intensificou-se desde então, com frequentes ataques do Exército a grupos militantes, ataques de colonos judeus em vilarejos palestinos e ataques palestinos mortais nas ruas.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade