5 eventos ao vivo

Faturamento do setor hoteleiro na Itália despenca 55%

Hotéis sofreram com a pandemia do novo coronavírus

19 jan 2021
09h26
atualizado às 09h44
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O faturamento do setor hoteleiro da Itália registrou queda de 55% em 2020 devido à pandemia do novo coronavírus.

Protesto de trabalhadores do setor do turismo em Roma, na Itália, em 12 de janeiro de 2021
Protesto de trabalhadores do setor do turismo em Roma, na Itália, em 12 de janeiro de 2021
Foto: ANSA / Ansa - Brasil

Os números foram divulgados no fim da semana passada pelo centro de estudos da Federalberghi, entidade que reúne hotéis e pousadas do país.

Segundo o levantamento, o setor hoteleiro faturou 13,5 bilhões de euros em 2020, número 55% menor que em 2019. Já o total de diárias ficou em 236 milhões, com redução de 54,1% na comparação com o ano anterior.

"As pessoas estão assustadas, e os empresários, resignados. O governo deve reverter isso rapidamente", disse à ANSA o presidente da Federalberghi, Bernabò Bocca, acrescentando que a preocupação para 2021 é "enorme".

A Itália ficou em lockdown entre o início de março e meados de maio e, desde o segundo semestre de 2020, convive com restrições a deslocamentos de acordo com a situação epidemiológica de cada região.

Atualmente, viagens inter-regionais estão proibidas até 15 de fevereiro. "A dura verdade é que, hoje, os hotéis não sabem quando e se vão reabrir. Todo o mundo está fechando, mas a diferença é que em outros lugares te fecham e te dão dinheiro", disse Bocca.  

Veja também:

O menino cego de 9 anos que dá aula em escola destruída pela guerra no Iêmen
Ansa - Brasil   
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade