0

Europa

Homem é preso com uma faca perto do Palácio de Westminster

ANDY RAIN/EPA / EFE

Autoridades do Reino Unido descartaram que caso seja terrorismo

16 jun 2017
14h58
atualizado às 14h58
  • separator
  • comentários

Mais uma vez, o Parlamento britânico entrou em alerta com um episódio de violência. Um homem com uma faca foi preso nesta sexta-feira (16) perto do Palácio de Westminster, informou a Scotland Yard, descartando, porém, que seja um ato de terrorismo.

Em março, o Palácio de Westminster foi palco de um ataque terrorista que matou quatro pessoas, além do autor do atentado. O agressor atropelou dezenas de pedestres e esfaqueou um policial. A segurança no Palácio de Westminster foi reforçada hoje devido à manifestação agendada para esta noite contra o governo da primeira-ministra, Theresa May, e contra o incêndio no prédio Grenfell Tower, que deixou 17 mortos e mais de 70 feridos há dois dias em Londres.

Nos últimos meses, o Reino Unido foi alvo de vários atentados terroristas. O último ocorreu em 3 de junho na London Bridge e no Borough Market, matando oito civis e três terroristas. Jo Cox - O incidente ocorreu também no dia em que o Reino Unido relembra o aniversário de um ano da morte da deputada trabalhista Jo Cox, defensora dos direitos humanos e assassinada em Birstall durante as campanhas pela votação do Brexit em 16 de junho de 2016.

A parlamentar foi baleada e esfaqueada pelo britânico Thomas Mair, simpatizante da extrema-direita e paciente com histórico de problemas psquiátricos. Vários eventos pelo Reino Unidos estão agendados para ocorrer hoje e durante todo o fim de semana, em memória à deputada.

Ansa

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade