PUBLICIDADE

EUA já passou pelo pior, diz coordenador de Covid da Casa Branca

9 mai 2021 14h08
ver comentários
Publicidade

Os Estados Unidos estão mais perto de controlar a pandemia de coronavírus e as autoridades de saúde estão focadas no próximo desafio: vacinar mais americanos, disse o coordenador de resposta à Covid-19 da Casa Branca, Jeff Zients, neste domingo.

"Eu diria que já passamos pelo pior", disse Zients em uma entrevista ao "State of the Union" da CNN, utiliando a expressão em inglês "we are turning the corner".

Zients disse que cerca de 58% dos adultos americanos receberam pelo menos uma vacina contra o coronavírus. A tarefa agora é continuar construindo confiança nas vacinas e vacinar americanos suficientes para mitigar a disseminação do vírus e suas variantes, disse ele.

Autoridades de saúde dos Estados Unidos pretendem atingir a meta do presidente Joe Biden de 70% dos americanos adultos tendo pelo menos uma dose até o dia 4 de julho do Dia da Independência dos Estados Unidos.

Zients disse que alcançar essa meta pode ajudar o país a atingir um nível baixo sustentável de infecções.

Cerca de 46% de todos os americanos receberam pelo menos uma vacina contra o coronavírus, de acordo com os Centros para Controle e Prevenção de Doenças.

O Dr. Anthony Fauci, diretor do Instituto Nacional de Alergia e Doenças Infecciosas, disse que outro aumento nas infecções por coronavírus seria improvável se a meta de Biden for atingida ou excedida.

"Quanto maior a proporção da população que é vacinada, menor a probabilidade de que em uma estação como o outono ou inverno que se aproxima haja um aumento significativo", disse Fauci ao canal NBC 'Meet the Press'.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Publicidade
Publicidade