PUBLICIDADE

Diretor-geral da OMS diz que Ômicron destaca "situação perigosa"

9 dez 2021 09h51
ver comentários
Publicidade

O surgimento da variante Ômicron do coronavírus destaca a "situação perigosa" em que o mundo se encontra cerca de dois anos após o início da pandemia de Covid-19, disse o diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, nesta quinta-feira.

Ele acrescentou que está desapontado com o fato de os países terem imposto proibições de viagens generalizadas ao sul da África devido à Ômicron e afirmou que a transparência ajudaria a acabar com a pandemia.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Publicidade
Publicidade