13 eventos ao vivo

Corrida de cavalo abre festa do Jubileu da Rainha Elizabeth

Por Chris Helgren

EPSOM, Inglaterra, 2 de junho (Reuters) - Uma radiante Rainha Elizabeth deu início no sábado, aos quatro dias de festejos pela comemoração do Jubileu de Diamante, que marcam seus 60 anos no trono britânico, indo às corridas de cavalo, uma paixão antiga da soberana.

A cantora de opera galesa, Katherine Jenkins liderou a multidão ao cantar o hino nacional enquanto a rainha e seu marido, Príncipe Philip, olhavam, refletindo o clima de patriotismo que tomou conta do país, no momento que a rainha alcança um marco raro.

Apenas um monarca celebrou o Jubileu de Diamante antes: a trisavó da rainha Elizabeth, a rainha Victoria, em 1897. As festividades marcam o início de um verão de festa na Grã-Bretanha, com Londres sediando os Jogos Olímpicos em julho.

"É um dia maravilhoso para os britânicos. Não é sempre que temos a oportunidade de mostrar o nosso orgulho," disse a turfista Carole Peck de Ipswich, no leste da Inglaterra.

Em meio a uma multidão vestida com suas melhores roupas, a rainha apreciava tudo do camarote real, quando o vencedor do Derby, Camelot, foi levado ao círculo do vencedor. Mais tarde ela entregou os troféus ao jóquei, treinador e proprietários do cavalo vencedor.

O foco se volta para Londres no domingo, onde uma enorme multidão deve lotar as ruas e o Rio Tâmisa para uma série de eventos espetaculares, embora a previsão de chuva possa diminuir o entusiasmo do público.

Estima-se que milhões de pessoas participarão das festas de rua que acontecerão em todo o país, uma vez que as pesquisas de opinião mostram que a popularidade da família Real está no seu mais ponto alto em décadas.

FLOTILHA

No domingo uma flotilha de mil barcos reunidos de todas as partes do mundo, navegará pelo Rio Tâmisa para acompanhar a rainha e seu marido, de 90 anos, numa barca real, no maior evento dessa natureza em 350 anos.

Milhares de festas de rua estão previstas em todo o país, inclusive uma em Downing Street, do lado de fora do escritório do primeiro-ministro David Cameron, como parte de um "Big Jubilee Lunch" - "Grande Almoço do Jubileu".

Buckingham Palace, residência oficial da Rainha será palco de um concerto pop, na segunda-feira, com a participação de Paul McCartney e Elton John, antes que uma rede de faróis seja acesa em toda a Grã-Bretanha e ao redor do Commonwealth.

As celebrações terão o seu ponto alto na terça-feira com uma cerimônia na Catedral de St. Paul, uma procissão de carruagens pelo centro de Londres e uma apresentação aérea da Royal Air Force, com aeronaves novas e antigas.

Para os Monarquistas, o jubileu é uma oportunidade de mostrar sua apreciação pela rainha.

Para outros, é a oportunidade de ter alguns dias de folga e desfrutar o tipo de cerimônia pela qual a Grã-Bretanha é conhecida.

Os Republicanos esperam que a ocasião marque o fim do que eles chamam de um anacronismo moribundo que eles estimam custa ao povo até 307 milhões de dólares por ano.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
publicidade