PUBLICIDADE

Conflitos entre israelenses e palestinos deixam 20 mortos

Militantes palestinos dispararam foguetes em direção à região de Jerusalém nesta segunda-feira; nove crianças estão entre as vítimas fatais

10 mai 2021 17h07
| atualizado em 25/5/2021 às 17h43
ver comentários
Publicidade
Cenário de uma das regiões atingidas pela nova onda de conflitos entre israelenses e palestinos
Cenário de uma das regiões atingidas pela nova onda de conflitos entre israelenses e palestinos
Foto: Mohammed Salem / Reuters

O Ministério da Saúde da Faixa de Gaza, área controlada pelo grupo palestino Hamas, informou que o número de mortes durante os confrontos com israelenses no norte da região subiu para 20, incluindo nove crianças.

Nesta segunda-feira, 10, militantes palestinos dispararam foguetes em direção à região de Jerusalém e ao sul de Israel

O ataque ocorreu após o Hamas exigir a retirada das forças de segurança de Israel próximo a mesquita de Al-Aqsa na cidade-sagrada.

Foguetes lançados em direção à Israel
Foguetes lançados em direção à Israel
Foto: Mohammed Salem / Reuters

Enquanto Israel celebrava o "Dia de Jerusalém", celebrando a vitória na Guerra dos Seis Dias em 1967, confrontos aconteceram em frente à mesquita, o terceiro local mais sagrado do Islã.

A Sociedade do Crescente Vermelho disse que mais de 300 palestinos ficaram feridos em embates com a polícia, que disparou balas de borracha no complexo, também reverenciado pelos judeus no local dos templos bíblicos.

A polícia israelense afirmou que 21 policiais ficaram feridos nos confrontos.

"As organizações terroristas cruzaram uma linha vermelha no Dia de Jerusalém e nos atacaram, nos arredores de Jerusalém", disse o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, em discurso. "Israel responderá de forma muito vigorosa. Não toleraremos ataques em nosso território, nossa capital, nossos cidadãos e nossos soldados. Qualquer um que nos atacar pagará um preço alto", acrescentou.

* Com informações da Ansa e Reuters

Veja também:

SpaceX Starship: foguete escolhido para levar homem à Lua pousa com sucesso pela 1ª vez:

 

Fonte: Equipe portal
Publicidade
Publicidade