PUBLICIDADE

China simula ataque a Taiwan em exercício militar

Ação ainda é resposta à visita de Nancy Pelosi à ilha

6 ago 2022 - 11h54
(atualizado às 12h47)
Ver comentários

O Ministério da Defesa de Taiwan disse neste sábado (6) que a China simulou ataques contra a ilha no terceiro dia de exercícios militares na região.

Caça de Taiwan voa durante exercícios militares da China perto da ilha
Caça de Taiwan voa durante exercícios militares da China perto da ilha
Foto: EPA / Ansa - Brasil

De acordo com o governo taiwanês, aviões e navios de guerra chineses atravessaram a linha mediana do Estreito de Taiwan, em uma aparente simulação de ataque contra a capital Taipei.

O Exército de Taiwan respondeu com alarmes de rádio e o envio de patrulhas aéreas e navios militares, além de ter deslocado sistemas de mísseis terrestres.

Os exercícios realizados pela China são uma resposta à visita da presidente da Câmara dos Representantes dos Estados Unidos, Nancy Pelosi, à ilha, entre 2 e 3 de agosto.

Segundo Pequim, a missão da democrata foi um "encorajamento" para os que defendem a independência de Taiwan e uma violação dos EUA à política da "China Única".

A Casa Branca diz que não se envolveu na viagem, mas o governo chinês, que já falou várias vezes em "reunificar Taiwan", suspendeu uma série de cooperações bilaterais com os Estados Unidos.

Ansa - Brasil   
Publicidade
Publicidade