PUBLICIDADE

Mundo

Candidatos à presidência da Venezuela concordam em respeitar resultados das eleições; oposição principal se abstém

20 jun 2024 - 17h54
Compartilhar
Exibir comentários

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro e outros sete candidatos à eleição de julho assinaram nesta quinta-feira um acordo para respeitar os resultados do pleito, embora a principal liderança da oposição do país tenha se abstido de participar do ato, dizendo que o governo já quebrou um acordo existente.

O pacto tem nove itens e foi apresentado pelo Conselho Nacional Eleitoral (CNE), maior autoridade do tema no país, considerado por críticos como uma extensão do partido governista.

O principal líder da oposição, Edmundo González, absteve-se de assinar, assim como Enrique Márquez.

Em comunicado emitido nesta quinta-feira, González afirmou que a oposição se comprometeu com as condições eleitorais estabelecidas em um acordo assinado com o governo em Barbados, no ano passado.

"Esse acordo foi violado por uma das partes, que voltou atrás em um convite a observadores internacionais da União Europeia e aumentou a perseguição contra líderes e apoiadores da nossa campanha", afirmou.

O presidente do CNE, Elvis Amoroso, afirmou que González "não respondeu ao pedido da pátria" após convidá-lo para assinar o acordo, enquanto a emissora de televisão estatal mostrava uma cadeira vazia.    Ex-diplomata de 74 anos que lidera as pesquisas, González disse a jornalistas nesta quinta que não recebeu convite algum do CNE.

Após assinar o documento, Maduro disse que o ato mostrava que "não queremos violência, acreditamos na autoridade eleitoral".

"Peço a todos os venezuelanos que respeitem este documento e apoiem o Conselho Nacional Eleitoral, que sua palavra seja sagrada", acrescentou.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade