0

Argentina lança plano nacional contra a fome

Projeto será comandado pelo Ministério do Desenvolvimento Social

14 jan 2020
12h14
  • separator
  • 0
  • comentários

O governo do presidente argentino Alberto Fernández oficializou nesta segunda-feira (13) a criação do plano nacional contra a fome, que será liderado pelo Ministério do Desenvolvimento Social do país. O objetivo do plano é "garantir segurança e soberania alimentar a toda população e às famílias argentinas, com especial atenção aos setores de maior vulnerabilidade socioeconômica".
    Na resolução do projeto, é indicado que "em virtude da emergência alimentar e nutricional que atravessa" a Argentina, "é essencial compreender que todas as ações e estratégias realizadas pelo Ministério do Desenvolvimento Social, através de seus diversos programas, tem o objetivo de responder a esta situação".
    Ainda foi informado que para combater o problema da fome na Argentina, "é necessária uma abordagem global".
    O programa contra a fome na Argentina inclui vários projetos promovidos por Alberto Fernández desde a sua posse, quando o presidente transformou essa política em um dos pilares de seu governo.
    Entre esses projetos, o governo estabeleceu o objetivo de distribuir 1,4 milhão de cartões de alimentos com orçamento entre quatro e seis mil pesos argentinos por mês, dependendo do número de crianças da família.
    As beneficiárias do plano serão mães e pais com filhos e filhas de até 6 anos de idade que recebem o Auxílio Universal da Criança (AUH), grávidas a partir dos três meses de gestação que recebem o auxílio à gravidez e pessoas com deficiência que ganham um valor fixo mensal para comprar alimentos, exceto bebidas alcoólicas.

Ansa - Brasil   
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade