0

Alemães protestam contra racismo e extrema direita

Milhares vão às ruas em várias cidades do país, em passeatas a favor da tolerância racial e contra o extremismo de direita

16 mar 2019
19h46
atualizado às 20h11
  • separator
  • 0
  • comentários

Milhares de pessoas saíram às ruas em várias cidades da Alemanha neste sábado (16/03) para protestar contra o racismo e partidos extrema de direita. Segundo os organizadores, só em Berlim cerca de 2.500 pessoas participaram da manifestação. A polícia não forneceu nenhuma estimativa.

A passeata, chamada March Against Racism (marcha contra o racismo), da associação Aufstehen gegen Rassismus (levantar contra o racismo), atravessou a região central da capital alemã. Manifestantes portaram faixas como dizeres como "o racismo não é uma alternativa", "vovós contra a direita" e "não há lugar para nazistas".

Manifestantes portam placares com a inscrição "pare a AfD"
Manifestantes portam placares com a inscrição "pare a AfD"
Foto: DW / Deutsche Welle

A convocação do ato foi assinada pelo Partido Verde, o partido A Esquerda e o Partido Social-Democrata (SPD), além do Centro Muçulmano Alemão de Berlim.

Houve também manifestações contra o racismo nas cidades de Colônia, Eisenach, Chemnitz e Frankfurt.

No mundo inteiro acontecem manifestações e eventos por ocasião das Semana Internacional contra o Racismo e da Semana de Ação Europeia contra o Racismo, entre 16 e 24 de março.

Na Alemanha, os protestos são dirigidos principalmente contra o partido populista de direita Alternativa para a Alemanha (AfD) que, segundo a associação Aufstehen gegen Rassismus é uma agremiação política que reúne um grande número de extremistas de direita.

Outros atos foram planejados para as cidades de Aachen, Essen e Hamburgo.

Em memória às vítimas do atentado contra duas mesquitas na Nova Zelândia, os participantes da passeata em Berlim fizeram um minuto de silêncio.

Em Eisenach, a polícia afirmou que cerca de 650 pessoas tomaram parte da manifestação, enquanto em Chemnitz foram "até 250", conforme os organizadores. Em Frankfurt, a polícia estimou que o protesto reuniu cerca de 300 pessoas.

Veja também:

Deutsche Welle A Deutsche Welle é a emissora internacional da Alemanha e produz jornalismo independente em 30 idiomas.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade