PUBLICIDADE

Elon Musk diz que ainda pode seguir com compra do Twitter

Em julho, o bilionário tinha desistido de comprar a plataforma por R$ 44 bilhões

6 ago 2022 - 17h44
(atualizado às 17h52)
Ver comentários
Publicidade
O Twitter está processando Elon Musk depois que ele desistiu de comprar a plataforma por US$ 44 bilhões, em julho deste ano
O Twitter está processando Elon Musk depois que ele desistiu de comprar a plataforma por US$ 44 bilhões, em julho deste ano
Foto: Forbes

O empresário Elon Musk disse neste sábado, 6, que se o Twitter puder fornecer informações sobre seu método de amostragem de contas e como confirma quais são reais e quais são robôs, o acordo de compra da plataforma por US$ 44 bilhões será realizado nos termos originais.

“Porém, se descobrir que seus registros na SEC são materialmente falsos, então (o acordo) não deverá (prosseguir)”, afirmou Musk pelo Twitter, se referindo ao equivalente da CVM (Comissão de Valores Mobiliários) nos Estados Unidos.

Em resposta a um usuário do Twitter que perguntou se a SEC estava investigando “alegações duvidosas” da plataforma, o bilionário questionou: “Boa pergunta. Por que não estão?”.

O Twitter está processando Elon Musk depois que ele desistiu de comprar a plataforma por US$ 44 bilhões, em julho deste ano. O bilionário disse que a rede social verifica só 100 contas por dia ao tentar calcular o número de robôs no serviço. 

A plataforma diz que “Musk se recusa a honrar suas obrigações para com o Twitter e seus acionistas porque o acordo que ele assinou não serve mais aos seus interesses pessoais”. publicação, redistribuição, transmissão e reescrita sem autorização prévia são proibidas.

Fonte: Redação Terra
Publicidade
Publicidade