0

TJ-RS volta a autorizar retomada de impeachment de Marchezan

Processo de afastamento de prefeito de Porto Alegre tem novo capítulo

30 set 2020
21h29
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

PORTO ALEGRE - A batalha jurídica travada em torno do processo de impeachment do prefeito de Porto Alegre, Nelson Marchezan Junior (PSDB), que busca a reeleição, teve um novo capítulo nesta quarta-feira, 30.

O desembargador Alexandre Mussoi Moreira, do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul, suspendeu a decisão de primeiro grau que havia anulado a sessão que abriu o processo contra Marchezan. O magistrado não apontou ilegalidades durante a tramitação dos trabalhos no Legislativo.

Com isso, o impeachment voltará a correr na Câmara Municipal de Porto Alegre.

Na esfera judicial, o processo já tinha sido suspenso e retomado posteriormente. Marchezan é acusado de utilizar recursos do Fundo Municipal de Saúde para campanhas de publicidade. Ele nega que tenha cometido irregularidades.

Veja também:

Último debate entre Trump e Biden tem tom mais ameno, mas com troca de acusações; veja destaques
Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade