6 eventos ao vivo

Em vídeo, Crivella diz que vitória de Paes significaria 'pedofilia' nas escolas

Em vídeo, prefeito diz que tem um 'inimigo que queria acabar com Bolsonaro' apoiando o candidato do DEM ao se referir ao PSOL; partido e ex-prefeito diz que vão processar candidato do Republicanos

19 nov 2020
22h49
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

RIO - Um dia após xingar o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), de "vagabundo" e "veado", durante uma reunião com apoiadores, na Barra da Tijuca (zona oeste do Rio), o prefeito do Rio e candidato à reeleição Marcelo Crivella (Republicanos) apareceu em um vídeo divulgado nesta quinta-feira, 19, dizendo que, caso Eduardo Paes (DEM), seu adversário na disputa pela prefeitura, seja eleito, o PSOL vai assumir a secretaria municipal de Educação e isso significará "pedofilia nas escolas".

"Tem um inimigo que queria acabar com Bolsonaro, (que) se pudesse daria outra facada no Bolsonaro, que é o PSOL. O PSOL está com Eduardo Paes. O PSOL, dizem, vai tomar conta da secretaria de Educação (se Paes vencer)", afirmou Crivella, em vídeo gravado ao lado do deputado federal Otoni de Paula (PSC-RJ). Até setembro, o parlamentar era crítico ferrenho do atual prefeito, mas em outubro, após pedido do presidente Jair Bolsonaro, decidiu apoiar Crivella. Pesquisa Ibope divulgada na quarta-feira, 18, aponta que Paes está 30 pontos à frente de Crivella no segundo turno.

Crivella em vídeo gravado ao lado do deputado federal Otoni de Paula (PSC-RJ)
Crivella em vídeo gravado ao lado do deputado federal Otoni de Paula (PSC-RJ)
Foto: Reprodução / Estadão

"Agora você imagina... pedofilia nas escolas", seguiu Crivella, no vídeo. "Eu fico imaginando um irmão meu, evangélico, batista, metodista, assembleiano, alguém da Universal, um metodista... Jesus disse pra nós que o reino de Deus é das crianças. 'Deixai vir a mim os pequeninos porque deles é o reino dos céus. Quem recebe uma criança, recebe a mim'. Jesus se comparou às crianças. E nós vamos aceitar pedofilia na escola, no ensino infantil?", concluiu o prefeito.

Otoni de Paula completa: "É um risco que nós estamos correndo se Eduardo for eleito".

PSOL e Paes vão processar Crivella

O PSOL já anunciou que vai processar Crivella pela afirmação. "Você vai responder na Justiça por esse vídeo patético. Você e esse seu amigo decadente, o Otoni de Paula, um péssimo deputado. Pega a sua fé e reza para não ser preso", afirmou Marcelo Freixo, deputado federal pelo PSOL-RJ, ao comentar a fala de Crivella, durante uma live.

Em nota, Paes afirmou que "não há qualquer acordo político nem troca de cargos com o PSOL" e que "esta atitude reflete o desespero dele (Crivella) com a crescente perspectiva de derrota nas urnas". "Não imaginava que seria capaz de ir tão longe na baixeza e na mentira", completou Paes. O candidato do DEM afirmou que vai processar Crivella "eleitoral, cível e criminalmente por essa gravíssima e mentirosa acusação".

Veja também:

Batida entre carro e moto deixa vítima ferida no Bairro Santa Cruz
Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade