Base Nacional Comum Curricular do ensino médio é aprovada

Próximo passo é a aprovação do texto pelo Ministério da Educação

4 dez 2018
14h47
atualizado às 15h12
  • separator
  • comentários

A Base Nacional Comum Curricular (BNCC) para o ensino médio foi aprovada nesta terça-feira, 4, pelo Conselho Nacional de Educação (CNE), com 18 votos a favor e duas abstenções. O próximo passo é a aprovação do texto pelo Ministério da Educação.

O documento define o mínimo que os estudantes do ensino médio deverão aprender em sala de aula, tanto em escolas públicas quanto privadas. As diretrizes poderão ser adaptadas nos Estados, de acordo com a situação local, com previsão de início em 2022.

Diretrizes tem previsão de início em 2022
Diretrizes tem previsão de início em 2022
Foto: DANIEL TEIXEIRA / Estadão Conteúdo

Uma das novidades, já aprovadas na reforma do ensino médio em 2017, é a de que os estudantes terão uma parte do currículo como itinerário comum e outra, formativo, escolhido pelo próprio aluno. Haverá cinco diferentes ênfases: linguagens, matemática, ciências da natureza, ciências humanas ou ensino técnico. O texto em discussão foca nas partes comuns, mas não há definições específicas sobre os itinerários formativos.

 

Estadão

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade