PUBLICIDADE

Banco Central trabalha para criar o Pix por aproximação

Banco Central do Brasil (BC) trabalha em um recurso que possibilita pagamentos com Pix por aproximação, diz Campos Neto

12 jun 2024 - 03h03
(atualizado às 16h30)
Compartilhar
Exibir comentários

O Pix pode ganhar mais um recurso no futuro: pagamentos por aproximação. É o que conta o presidente do Banco Central do Brasil (BC), Roberto Campos Neto — durante uma palestra nesta terça-feira (11), o executivo informou que a instituição trabalha para lançar a tecnologia. A expectativa é que a novidade seja implementada em carteiras digitais, como o Apple Pay e a Carteira do Google.

Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil / Canaltech

Pix por Aproximação

O recurso tende a oferecer mais uma alternativa aos cartões de débito e crédito, que atualmente permitem o pagamento via NFC pelo plástico, celulares e relógios. Com a modalidade, os correntistas poderão fazer as transações ao aproximar o dispositivo da maquininha.

Os detalhes sobre como tudo vai funcionar na prática não foram revelados pelo presidente do Banco Central. Por outro lado, segundo o jornal Valor, Campos Neto informou que trabalha junto com as empresas por trás de carteiras digitais para implementar o recurso.

Transações via NFC?

A expectativa é que o mecanismo possibilite a transação via NFC, a mesma tecnologia usada em cartões para esse tipo de transação. Da mesma forma, existe a possibilidade de que o esperado Pix por Aproximação ajude a reduzir as taxas de pagamento praticadas com cartões, pois as transferências poderiam ocorrer entre contas sem intermediários.

Já no dia a dia, os correntistas poderiam fazer transferências mesmo sem ter um cartão. Para isso, bastaria aproximar o celular dos terminais de pagamento para transferir o dinheiro, sem ter que digitar a chave, ler um QR Code ou clicar em um link no telefone.

Apesar da antecipação, não há previsão de lançamento do pagamento por aproximação com o Pix. O Banco Central também trabalha com o Pix Automático, uma espécie de débito automático com a plataforma de pagamentos.

Fonte: Valor

Trending no Canaltech:

Canaltech
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade