1 evento ao vivo

Promover diferentes abordagens de ensino facilita o desenvolvimento das crianças

Aprendizagem cognitiva e socioemocional é construída através da diversidade de estímulos

27 ago 2019
18h03
atualizado às 18h05
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Aulas em espaços internos e externos, exercícios físicos e mentais, tecnologias analógicas e digitais: qual é a vantagem de aliar práticas e metodologias de ensino? Segundo a coordenadora do Fudamental I, Barbara Yuka: "Essa maneira de trabalhar é mais rica, estimula a criatividade, incentiva as crianças a assumirem responsabilidades e resolverem problemas".

Foto: Roberto Norio / DINO

Na Escola Roberto Norio, onde leciona, os alunos têm aula de soroban e também de robótica. A primeira, analógica, é eficiente para que os alunos melhorem o raciocínio lógico, a capacidade de concentração e até mesmo podem chegar a fazer cálculos mentais.

Já a robótica é trabalhada pela instituição em pequenos grupos, ou seja, os estudantes estão em contato novas tecnologias e, ao mesmo tempo, desenvolvem habilidades sociais - exercitando a paciência e o respeito pelos colegas.

Outra tática é mudar de ambiente para que os estudantes compreendam melhor um conceito. Os jovens do 5º ano estavam com dificuldades em compreender os diferentes tipos de relevo. Foi quando a professora responsável os levou para o tanque de areia - que geralmente é usado pelos pequenos - e demonstrou as particularidades da planície, do planalto etc.

Por vezes são mudanças simples como essa que fazem a diferença no aprendizado, mas para isso é importante que o professor tenha flexibilidade para improvisar - de acordo com sua percepção dos alunos.

A compreensão da dificuldade do estudante pode ser vital para ensinar conceitos mais abstratos, como a apreensão da linguagem. Por vezes é preciso que os educadores utilizem diferentes metodologias no processo de alfabetização para que a criança possa dar vida as suas primeiras palavras escritas.

Estímulos diversos não significam necessariamente um excesso. Isso pode ocorrer até mesmo por meio do brincar. Uma prática necessária para os pequenos são os exercícios para desenvolver a coordenação motora. Fazer colares com missangas, por exemplo, é uma forma de aperfeiçoar a coordenação motora fina e, ao mesmo tempo, algo divertido.



Website: http://www.robertonorio.com.br/?gclid=CjwKCAjwqZPrBRBnEiwAmNJsNv7JiH4hC_1-kenrw1rLm7yvmmJYkKEUwMxNblu-PzkV46xB4-vzWBoCs9gQAvD_BwE

Veja também:

Policial salva cadeirante de ser atropelado por trem na Califórnia
DINO Este é um conteúdo comercial divulgado pela empresa Dino e não é de responsabilidade do Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade