0

Planos de saúde no Brasil seguem bem avaliados

Pesquisa da Interfarma e Instituto DataPoder360 confirmam resultados da pesquisa IESS/Ibope que indicam satisfação com planos de saúde

8 jan 2018
16h58
  • separator
  • comentários

O brasileiro continua satisfeito com os planos de saúde. Segundo dados da pesquisa "Saúde no Brasil", encomendada pela Associação da Indústria Farmacêutica de Pesquisa (Interfarma) ao Instituto DataPoder360, 56% dos entrevistados avaliam os planos como positivo ou regular, apenas 18% avaliam os planos negativamente e 26% não responderam ou souberam opinar.

Foto: DINO

Os dados da "Saúde no Brasil" vão ao encontro da pesquisa realizada em 2017 pelo IBOPE Inteligência a pedido do Instituto de Estudos de Saúde Suplementar (IESS) que revelou que 80% dos brasileiros que possuem plano de saúde estão "satisfeitos" ou "muito satisfeitos" com seus planos. "Mesmo com as diferenças metodológicas, o sistema de saúde suplementar segue bem avaliado pela maioria dos beneficiários. Os números da pesquisa encomendada pela Interfarma confirmam que os planos de saúde são um elemento-chave na estrutura da saúde do Brasil", aponta Luiz Augusto Carneiro, superintendente executivo do IESS.

O levantamento também detectou que o plano de saúde é altamente desejado pelos brasileiros que não contam com esse benefício. "Esse é o terceiro bem mais desejado pelos não beneficiários, atrás apenas de educação e casa própria", continua Carneiro. Importante lembrar que a pesquisa IESS/Ibope de 2017 apresentou um avanço de 5 pontos porcentuais (p.p.) na avaliação dos planos de saúde em relação à pesquisa anterior, realizada em 2015.

A pesquisa da Interfarma também contemplou outros dados sobre a assistência. Por exemplo, os hospitais lideram as críticas negativas com 39% de reprovação. Médicos e profissionais da saúde foram reprovados por 10% dos entrevistados e as farmácias por 9%. A pesquisa foi realizada pelo DataPoder360 por telefone no mês de outubro de 2017, com 4.133 moradores de 178 municípios brasileiros e possui margem de erro de 2,6 pontos porcentuais, para mais ou para menos.

Já a pesquisa IESS/Ibope apontou que o plano de saúde é o benefício mais valorizado pelos brasileiros que contam com este serviço. O levantamento destacou que o plano de saúde é um fator decisivo também na hora de aceitar um emprego. Para 95% dos entrevistados, a oferta desse benefício é considerada "importante" (16%) ou "muito importante" (79%) para decidir entre um trabalho ou outro.

O levantamento do Ibope constatou, ainda, que 82% dos beneficiários de planos de saúde médico-hospitalares afirmam que recomendariam ("com certeza" ou "provavelmente") para um amigo ou parente o plano que possuem, um crescimento de 3 p.p. ante à pesquisa anterior; e 87% declaram a intenção de ("com certeza" ou "provavelmente") manter o plano atual, alta de 1 p.p. sobre os resultados de 2015.



Website: http://iess.org.br/?p=blog
DINO Este é um conteúdo comercial divulgado pela empresa Dino e não é de responsabilidade do Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade