0

Parceria entre startups viabiliza a criação de loja virtual e venda pelo WhatsApp

Ação visa apoiar micro e pequenos comerciantes, como bares, restaurantes e mercados, frente à crise da Covid-19

10 jul 2020
08h31
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

As startups Goomer (https://www.goomer.com.br/) e Lett (https://lett.digital/) firmaram uma parceria para ajudar pequenos varejistas a vender pelo WhatsApp por meio da plataforma GoomerGo. Com ela, é possível criar uma loja virtual em poucos minutos para alavancar as vendas, de modo que os comerciantes de bairro possam seguir em frente com os seus negócios frente à pandemia da Covid-19. Até o momento, 15 mil estabelecimentos já utilizam a ferramenta em todo o território nacional.

A GoomerGo visa atender lojistas que trabalham com delivery ou mercadoria com retirada no local, principalmente bares, restaurantes e mercados. Para tanto, o varejista se cadastra na plataforma, seleciona quais produtos deseja vender e cria sua loja online. Depois disso é só compartilhar o link tanto via WhatsApp para os clientes quanto nas redes sociais e começar a vender.

"A GoomerGo empodera os micro e pequenos comerciantes nesse momento sensível de mercado e os ajuda a se familiarizar com o universo digital de um jeito muito simples e seguro. O nosso intuito é ajudá-los a otimizar as vendas para que consigam sobreviver à crise pela qual estamos todos passando", destaca o CEO da Goomer, Felipe Lo Sardo.  

O Mercado Brasco, localizado em Porto Alegre (RS), por exemplo, é um dos usuários da solução. Em menos de um mês de utilização da ferramenta, o varejista já cadastrou mais de 300 produtos, o que fez com que ele gerasse cerca de 200 pedidos com um ticket médio de R$ 150,00. Além disso, ainda economizou mais de R$ 2 mil se comparar o recurso a um marketplace para fazer as vendas. "Criamos o nosso catálogo em menos de uma tarde e já começamos a divulgar e a receber pedidos", explica Arthur Bolacell, sócio do minimercado. 

Atualmente, a ferramenta já faz parte da rotina de, aproximadamente, 5 mil varejistas, mas esse número deve crescer de forma significativa por meio do Placeholder, o catálogo digital da Lett, startup parceira do projeto. O objetivo das empresas é digitalizar o PDV de pequenos varejistas e permitir que eles não percam vendas nesse momento de isolamento social. 

"Sabemos que nem sempre os pequenos e microempresários têm condições de investir em lojas online para digitalizar o seu negócio. Isso acontece porque a maioria deles acredita ser muito complicado ou ter que investir um valor alto. No entanto, essa é uma necessidade do mercado, principalmente agora com a pandemia da Covid-19. Por isso, resolvemos entrar na parceria com a Goomer para facilitar e ajudar esses pequenos e microempresários passar por esse momento difícil", ressalta Davi Song, CEO da Lett. 

Além de potencializar as vendas dos pequenos varejistas, os fabricantes dos produtos também têm um papel importante no processo, já que podem se posicionar como apoiadores do projeto, auxiliando os pequenos lojistas a vender de uma forma simples e rápida, além de melhorar o relacionamento com diversos pontos de venda.

Veja também:

Explosão no Líbano: BBC visita epicentro do desastre no porto de Beirute
DINO Este é um conteúdo comercial divulgado pela empresa Dino e não é de responsabilidade do Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade