0

O que podemos esperar da educação para 2019?

21 jan 2019
21h06
  • separator
  • comentários

A educação é um direito humano
A educação é um direito humano consagrado na Declaração Universal dos Direitos Humanos e reconhecido como fundamental na Constituição de 1988 para promover o pleno desenvolvimento do indivíduo, seu preparo para o exercício da cidadania e a sua qualificação para o trabalho.

Foto: DINO / DINO

Tivemos avanços importantes na educação nos últimos anos: a criação da Base Nacional Comum Curricular, obrigatoriedade de ensino de quatro a 17 anos, criação de escolas profissionalizantes, expansão das universidades públicas, fomento para a ampliação de vagas no ensino superior privado, investimento em Ensino, Pesquisa e a Extensão, entre outras ações que trouxeram melhores perspectivas para o desenvolvimento da educação no Brasil.

Investir em educação gera desenvolvimento sustentável
Mesmo com investimento anual de cerca de 6% do PIB em educação pública, valor superior comparado à média dos países que compõem a Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), de 5,5%, o Brasil ainda está nas últimas posições em avaliações internacionais de desempenho escolar.

O acesso à educação precisa ser amplo, de qualidade e em nível nacional para que a pobreza e desigualdade social não seja transmitida de geração para geração. É um fator-chave para reduzir a pobreza, fomentar o crescimento econômico, aumentar renda, para que a sociedade seja mais pacífica e tenha mais chances de viver um futuro melhor, com mais oportunidades de emprego, saúde, respeito ao meio ambiente e mais participação política.

A educação tem uma forte influência para a construção de uma sociedade saudável e um país sustentável, é um dos investimentos primordiais para estimular o desenvolvimento humano, social e econômico. A falta de continuidade e de implantação integral e macro das políticas educacionais tem um efeito retrógrado e que impacta diretamente em outras áreas, como na economia.

"A relação entre uma educação pública de qualidade e o crescimento econômico estão completamente integradas. Se temos uma educação pública de qualidade a tendência é ter um crescimento econômico melhor e constante. Se a educação pública é ruim, obviamente carrega o reflexo de um crescimento baixo", afirma o professor do MBA Perícia e Auditoria Econômico-Financeira do Instituto de Pós-graduação e Graduação (IPOG), Marcus Teodoro. Investir em educação é investir na economia.

Transformação integral na educação

O Caderno de Educação em Direitos Humanos do Brasil reconhece que a "educação deve afirmar valores e estimular ações que contribuam para a transformação da sociedade, tornando-a mais humana, socialmente justa e, também, voltada para a preservação da natureza".

O ser humano é um ser físico, emocional, mental, espiritual e por isso a educação precisa ser vista como essa experiência de formação do ser humano como um todo. O coordenador do MBA em Liderança Integral & Gestão Organizacional (FranklinCovey) do IPOG, Luciano Meira, afirma que a educação forma o indivíduo para a vida toda.

"A questão é como você forma o indivíduo e como ele passa a entender o mundo e a realidade em sua volta com uma mente crítica suficiente para tomar decisões pessoais que sejam boas para si, para os outros, para a sociedade e para o meio ambiente. É nesse sentido que a educação precisa caminhar", ressalta Luciano.

A educação no Brasil hoje é norteada pelo plano Nacional de Educação (PNE) que estabelece diretrizes, metas e estratégias para a política educacional dos próximos dez anos com o objetivo de garantir o direito a educação básica com qualidade para todos, reduzir as desigualdades e valorizar os profissionais da educação.

Outro documento importante que temos é a Base Nacional Comum Curricular (BNCC) que define o conjunto orgânico e progressivo de aprendizagens que todos os alunos devem desenvolver ao longo das etapas e modalidades da Educação Básica. Luciano Meira afirma que o BNCC já é uma evolução do pensamento em educação, está bem atualizado em relação a questões como inteligência emocional que precisa ser desenvolvida para formar o aluno para a sociedade para a vida e para o trabalho.

Educação para o futuro do Brasil
Recentes levantamentos mostram que a maioria dos alunos que estudam em instituições públicas superiores são oriundos de escolas privadas e com condições financeiras estáveis. Atualmente é claro perceber que são raras as instituições públicas que conseguem competir diretamente com as privadas, na maioria dos casos somente as superiores, mas se o aluno não tiver a qualidade de ensino elevada desde sua educação básica, a inserção em uma universidade pública se torna cada vez mais rara.

O Especialista em jornalismo internacional pela Universidade de Cardiff, no Reino Unido, e professor do curso de Gestão de Campanhas & Marketing Político do IPOG, Afif Sarhan, acredita que para o avanço e fortalecimento da educação o futuro Governo deve estar mais próximo dos municípios, em contato direto com os educadores dessas instituições, para que haja um entendimento real das necessidades de cada polo educacional do país.

É fundamental que haja em paralelo um investimento em Educação Inclusiva, o que além de proporcionar o acesso a todos a uma escola de qualidade, também permite o contato dos alunos com as diferenças presentes na sociedade. Hoje, por exemplo, é necessário que cada município adapte suas leis para que seja permitida a uma criança com deficiência sua inserção em um centro educacional infantil ou escola de ensino médio.

"O investimento na capacitação de professores é fundamental para a manutenção da qualidade do ensino, além de claro, valorização financeira. O professor precisa se sentir valorizado, e isso reflete automaticamente na sala de aula.", acrescenta Afif Sarhan.

O futuro da educação também está em nossas mãos! Cabe à sociedade unir-se em prol de uma educação de qualidade, independente de partidos políticos, assim como somar energias para garantir um futuro digno desta força tão importante. Os esforços para avançar na qualidade educacional precisam ser priorizados. A educação de qualidade é necessária para a nossa sobrevivência. É fundamental. É urgente.



Website: http://www.ipog.edu.br
DINO Este é um conteúdo comercial divulgado pela empresa Dino e não é de responsabilidade do Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade