0

Campo Olímpico de Golfe recebe alunos com Síndrome de Down e Autismo

22 mai 2017
18h48
atualizado em 26/6/2017 às 21h49
  • separator
  • 0
  • comentários

O Campo Olímpico de Golfe recebeu alunos com Síndrome de Down e Autismo do Instituto Ruffato de Inclusão Social, na segunda edição do projeto Golfe que te quero golfe nas Escolas.

O projeto é uma parceria da empresa ECP Environmental Solutions e do Campo Olímpico de Golfe com Escolas Municipais e tem como objetivo levar a educação ambiental através de palestras sobre a fauna e flora local, além de proporcionar o primeiro contato com o golfe aos alunos das redes públicas de ensino.

Além de aprenderem mais sobre o projeto de recuperação ambiental realizado no campo, os alunos são contemplados pela oportunidade de jogarem golfe pela primeira vez. Esta é uma oportunidade única para os alunos que aprendem também mais sobre o esporte, a manusear o taco de golfe, a postura dos atletas, os fundamentos do esporte.

Assunto polêmico antes da realização das Olimpíadas, o campo de golfe foi um grande sucesso entre golfistas de todo mundo e se tornou o único legado olímpico após os Jogos, além de já ter recebido prêmios internacionais como o melhor campo de golfe de 2016 pela Golf Magazine, o Green Star Award 2016 pela revista Golf Digest e também receber a Certificação Internacional GEO da Golf Environment Organization, o Prêmio Honra e Mérito Socioambiental 2017 da Lagoa Viva e a Moção de Louvor e Reconhecimento pela Câmara do Rio.

Enfim o Rio de Janeiro pode se orgulhar e ter um legado olímpico!

DINO Este é um conteúdo comercial divulgado pela empresa Dino e não é de responsabilidade do Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade