6 eventos ao vivo

Recorde de calor em Campo Grande e em Goiânia

Centro-Oeste do Brasil continua com mais calor do que o normal nos próximos dias, mesmo com as pancadas de chuva.

16 jan 2020
00h23
  • separator
  • 0
  • comentários

A primeira quinzena de janeiro fechou com recorde de calor em Goiânia e em Campo Grande. Pela medição do INMET, a tarde de 15 de janeiro foi a mais quente de 2020 até agora nestas duas capitais.

Em Goiânia, capital de Goiás, o Instituto Nacional de Meteorologia registrou 35,9°C de temperatura máxima na medição oficial das 21 horas de 15 de janeiro (hora de Brasília). O recorde anterior era de 35,6°C, em 13 de janeiro)

Esta temperatura é bastante elevada para os mês de janeiro, onde a temperatura normalmente não tanto assim por causa do excesso de nebulosidade e da chuva frequente. Porém, nos últimos quatro dias, as chuva diminuiu e Goiânia tem tido mais horas com sol forte, o que fez a temperatura subir muito.

Foto: Climatempo

Foto de Regina de Melo Botelho, Goiânia (GO)

Em Campo Grande, capital de Mato Grosso do Sul, a temperatura máxima foi de 33,9°C, segundo o INMET, e o recorde anterior era de 33,5°C, no dia 14.

As duas capitais terão várias horas com sol forte até o domingo, mas com aumento da nebulosidade e condições para pancadas de chuva à tarde e à noite.

A temperatura se mantém elevada nos próximos dias.

Climatempo
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade