5 eventos ao vivo

Produtor brasileiro terá boas oportunidades no mercado agrícola

Confira a previsão para julho nas lavouras norte-americanas e seus efeitos para o Brasil

14 jun 2018
11h16
  • separator
  • comentários

Nos Estados Unidos, muitas lavouras estão tendo um ótimo desempenho. Outras, entretanto, enfrentam as dificuldades proporcionadas pelo estresse hídrico nas últimas semanas, como é o caso do trigo de inverno. A previsão para o mês de junho é de chuva que não serão volumosas, mas sim frequentes e suficientes para manter os solos com níveis satisfatórios de umidade. Com isso, as lavouras de soja, milho, algodão e o trigo de primavera terão ótimas condições ao desenvolvimento.

Há grande probabilidade de ocorrências de alguns períodos de estiagem entre os meses de julho e agosto, justamente quando as lavouras entraram em suas fases reprodutivas. Esse fato, poderá deixar o mercado bastante apreensivo, mas por enquanto não há nenhum indicativo de que a safra norte-americana de grãos venha ter quebras significativas, pelo contrário.

É previsto condições muito boas à safra de grãos, mas bem provável que o clima não seja tão benevolente quanto foi em 2016 e 2017. No entanto, como o começo desta safra está sendo perfeito, mesmo que ocorra alguns períodos de estiagem entre os meses de julho e agosto, não serão suficientes para ocasionarem quebras significativas. A estiagem apenas permitirá que o mercado venha a especular e promova algumas boas oportunidades de negócio ao produtor, principalmente brasileiro.

É bem provável que a área cultivada de soja nesta safra 2018/19 nos Estados Unidos seja maior do que a safra 2017/18, o que confere uma produção ainda maior do que foi registrada em 2017. Assim, a previsão de possíveis período de estiagem deverá ser realmente grande - algo que não está no radar para causar um estrago grande ao ponto de levar a uma produção de soja menor do que foi em 2017.

Com isso, poderíamos apostar que a safra de soja nos Estados Unidos deste ano deverá superar a safra passada em alguns poucos milhões de toneladas. É fato que em anos de produção cheia, qualquer notícia de clima adverso, mesmo que num curto período de tempo, trará grandes oscilações no mercado e, portanto, boas oportunidades de negócio.

Agrotalk: a nova plataforma sobre clima e produtividade no campo

Leia no Blog do Agroclimapro outras informações e análises sobre as culturas 

Para saber maiores informações de como se planejar com antecedência e tornar o clima seu grande aliado basta consultar www.agroclimapro.com.br

Veja como a informação meteorológica pode ajudar a tomar a decisão dentro do campo:

Climatempo

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade