2 eventos ao vivo

Mais um furacão nascendo no Atlântico Norte

As tempestades tropicais Paulettte e Rene nasceram quase juntas, mas nos próximos dias, uma pode virar furacão e outra vai enfraquecer.

8 set 2020
16h11
atualizado em 9/9/2020 às 16h59
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

As águas do oceano Atlântico Norte começaram setembro bastante animadas. Duas áreas de instabilidade evoluíram rapidamente, em cerca de 12 horas, para tempestades tropicais e uma delas poder se transformar em um novo furacão ainda esta semana.

Tempestade tropical Paulette

A instabilidade que deu origem à tempestade tropical Paulette surgiu na madrugada de 7 de setembro de 2020 e 12 horas depois, com seu rápido fortalecimento, já era uma tempestade tropical.

Na análise técnica emitida pelo Centro Nacional de Furacões dos Estados Unidos (NHC, na sigla em inglês), às 21 UTC (18 horas, em Brasília), Paulette estava com ventos sustentados de 100 km/h, com rajadas mais fortes, e a pressão atmosférica mínima era de 995 hPa. A velocidade de deslocamento era de 13 km/h, indo para noroeste. 

O centro da tempestade tropical Paulette estava a 2175 km a oeste de Cabo Verde.

A previsão do NHC é que Paulette se fortaleça na noite desta terça-feira, 8 de setembro, mas que volte a enfraquecer durante a quarta-feira, 9 de setembro e continue perdendo força nos dias seguintes.

Foto: Climatempo

Tempestades tropicais Paulette e Rene em 8/9/2020

Tempestade tropical Rene

A tempestade tropical Rene também surgiu com uma área de instabilidade no começo da manhã de 7 de setembro e em cerca de 12 horas evoluiu para uma tempestade tropical e foi nomeada. 

Na análise técnica emitida pelo Centro Nacional de Furacões dos Estados Unidos (NHC, na sigla em inglês), às 21 UTC (18 horas, em Brasília), Rene estava com ventos sustentados de 65 km/h, com rajadas mais fortes, e a pressão atmosférica mínima era de 1001 hPa. 

O centro da tempestade tropical Rene estava a 425 km a oeste/noroeste das ilhas de Cabo Verde e a velocidade de deslocamento era de 26 km/h, indo para oeste.

Embora com pressão atmosférica mínima maior do que a Paulette, a previsão do NHC é que Rene se fortaleça e se transforme em um novo furacão em alguns dias.

Confira os ciclones que já foram nomeados este ano na bacia do Atlântico Norte, conforme análise no NHC, sigla em inglês para o Centro Nacional de Furacões dos Estados Unidos, com sede na Flórida.

Nome                Data         

Siglas pela ordem de evolução de intensidade: TD= depressão tropical 

TS= tempestade tropical, H= furacão; MH= grande furacão

---------------------------------------------------

TS  Arthur          16-19 maio        

TS  Bertha          27-28 maio      

TS  Cristobal        1-9  jun           

TS  Dolly           22-24 jun            

TS  Edouard          4-6  jul         

TS  Fay              9-11 jul             

TS  Gonzalo          1-25 jul        

H   Hanna           23-27 jul         

H   Isaias          30 Jul- 5 ago     

TD  Ten             31 Jul- 1 ago    

TS  Josephine       11-16 ago   

TS  Kyle            14-16 ago        

MH  Laura           20-28 ago     

H   Marco           20-25 ago         75

TD  Fifteen     31 ago-                 35

Veja também:

Previsão Brasil - Nova frente fria avança sobre o centro-sul do país
Climatempo
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade