PUBLICIDADE

Frio bate recorde em Florianópolis e em São Paulo

A madrugada de 29 de julho foi a mais fria do ano até agora nas duas capitais, mas deve esfriar mais nesta sexta.

29 jul 2021 07h39
| atualizado às 07h45
ver comentários
Publicidade

s

A forte massa de ar frio de origem polar que entrou no Brasil  causou mais uma madrugada de resfriamento intenso no centro-sul do Brasil nesta quinta-feira, 29 de julho. Florianópolis e São Paulo tiveram a madrugada mais fria do ano até agora.

Mas o frio ainda não acabou e deve aumentar na madrugada desta próxima sexta-feira, 30 de julho. Entre a noite desta quinta e madrugada desta sexta-feira, o centro da forte massa de ar frio que chegou ao país passará sobre o Rio Grande do Sul e  Santa Catarina. O centro da massa de ar frio é parte mais intensa do sistema.

São Paulo bateu o recorde de frio para 2021

O amanhecer de 29 de julho é agora o mais frio deste ano. O Instituto Nacional de Meteorologia  registrou 5,5°C de temperatura às 7 horas na estação meteorológica do Mirante de Santana, na zona norte da capital. O recorde anterior era de 6,3°C nos dias 30 de junho e 20 de julho. Este recorde deve ser batido novamente na madrugada desta próxima sexta-feira

Recorde de frio em Florianópolis

A madrugada de 29 de julho foi a mais fria de 2021, até agora, em Florianópolis, capital de Santa Catarina. O INMET - Instituto Nacional de Meteorologia - registrou 4,4°C , na medição da estação meteorológica automática. O recorde anterior era de 6,1°C no dia 28 de julho.

Climatempo
Publicidade
Publicidade