1 evento ao vivo

Frio abaixo de 0°C e geada na Região Sudeste

São Paulo, Belo Horizonte e Vitória podem registrar menor temperatura de 2018

12 jul 2018
17h33
  • separator
  • comentários

O ar frio de origem polar entrou com forte sobre a Região Sudeste e derrubou a temperatura em todos os estados. Nesta quinta-feira, a temperatura ficou abaixo de 0°C em alguns locais de São Paulo, de Minas Gerais e até do Rio de Janeiro. O Instituto Nacional de Meteorologia registrou -2,3°C em Monte Verde, no Sul de Minas Gerais, -2,5°C no alto do parque nacional do Itatiaia (2450 metros), no sul de Minas Gerais, e -0,6°C em Campos do Jordão, em São Paulo. O ar polar também chegou ao Espírito Santo e a temperatura em Santa Tereza baixou para 10,5°C.

Frio abaixo de zero e geada

Nesta sexta-feira, 13, o frio deve aumentar em todos os estados do Sudeste porque o centro da massa de ar frio de origem polar, que é a região com o ar mais frio e seco, estará passando entre o Rio de Janeiro, o Espírito Santo e o leste de Minas Gerais.

A madrugada e o amanhecer de 13 de julho serão muito frios em praticamente todas as áreas da Região Sudeste. Alguns locais da Serra da Mantiqueira entre São Paulo, Rio e Minas Gerais podem voltar a registrar temperaturas abaixo de 0°C. Há condições para geada no sul de São Paulo, na Mantiqueira e no Sul de Minas de forma geral, e também nas áreas mais elevadas do sul do Rio de Janeiro, como a região de Visconde de Mauá e o parque nacional do Itatiaia.

Capitais podem ter recorde de frio

O ar frio de origem polar ainda atua forte sobre o Sudeste nesta sexta-feira, 13, e a tendência de esfriamento do ar continua. Além da presença do ar frio, a falta de nebulosidade durante a noite facilita o resfriamento do ar.

A madrugada de 13 de julho poderá ser a mais fria de 2018 até agora nas capitais São Paulo, Belo Horizonte e Vitória. Os recordes atuais de menor temperatura são:

São Paulo (SP): 9,3°C (21/05)

Rio de Janeiro (RJ): 10,6°C (22/05)

Belo Horizonte (MG): 11,2°C (21/05)

Vitória (ES): 15,4°C (7/07)

Secura do ar

Além do frio, a passagem do ar de origem polar deixa o Sudeste do Brasil mais seco. Nos próximos dias, muita gente vai sentir a secura do ar e ter maior desconforto com as crises de problemas respiratórios.

Na quinta-feira, 12, o INMET registrou 17% em Pradópolis, 18% em Lins e em Itapira e 19% em Ariranha, todas cidades do estado de São Paulo. No norte de Minas, o nível de umidade baixou para 18% em Montalvânia. Nos próximos dias, níveis de umidade do ar abaixo dos 20% devem se repetir nestes estados. Mas no Rio de Janeiro e no Espírito Santo, o ar também vai secar, mas os níveis de umidade no ar não devem ficar tão baixos como no interior paulista e mineiro.

O tempo seco e sem condições para chuva vão predominar sobre o Sudeste nos próximos dias. Para este fim de semana há uma possibilidade de chuva fraca para alguns poucos locais do Rio de Janeiro e do Espírito Santo. Confira a previsão em detalhes.

Geada em SP e em MG em 12/7/18

Foto de Jailton Oliveira, Bom Sucesso de Itararé (SP)

Foto de Jailton Oliveira, Bom Sucesso de Itararé, SP

Foto de Willian Siqueira, Maria da Fé (MG)

Climatempo

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade