4 eventos ao vivo

Forte calor é destaque em MT e MS

Vem aí uma nova massa polar para refrescar os estados. Acompanhe as mudanças no tempo para os próximos dias.

18 jul 2018
15h09
  • separator
  • 0
  • comentários

O predomínio do tempo ensolarado e seco sobre o Centro-Oeste do Brasil tem deixado as temperaturas extremamente altas no período da tarde. Sem a presença de ar polar, o forte calor é destaque esta semana, especialmente em Mato Grosso e em Mato Grosso do Sul

As temperaturas máximas estão bem acima da normalidade nas capitais. Nos últimos dias, a temperatura tem passado dos 36°C em Cuiabá (MT) e dos 30°C em Campo Grande (MS), sendo que a média da temperatura máxima em julho é de 32°C em Cuiabá e 27,5°C em Campo Grande, respectivamente, pelo dados do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET). 

São inúmeras cidades que vêm registrando temperatura máxima acima dos 33°C em Mato Grosso do Sul e dos 35°C em Mato Grosso. O município de Sonora, no extremo norte de Mato Grosso do Sul chegou a marcar 38°C na última segunda-feira (16) e 37,4°C na terça-feira (17), liderando o ranking da cidade mais quente do Brasil por dois dias consecutivos, segundo o INMET. 

Foto: Climatempo
Foto: Carlos. Naviraí/MS.

Nova massa polar vem aí 

Mato Grosso e Mato Grosso do Sul ainda vão enfrentar muito calor nesta quinta-feira (19) e sexta-feira (20), mas uma nova massa polar deve trazer um refresco para o fim de semana.

A queda de temperatura é esperada a partir do sábado (21).  

O estado de Mato Grosso do Sul, o oeste e o sul de Mato Grosso serão as áreas que deverão sentir a maior queda nas temperaturas. Ainda assim, a expectativa não de ar polar intenso. Cuiabá terá uma queda na máxima, mas ainda deve beirar os 30°C. Já Campo Grande tem a chance de tardes mais amenas, com a máxima ficando próxima dos 26°C no sábado. Também volta a fazer um pouco de frio nas madrugadas do próximo fim de semana.  

Vai chover?

Apesar da chegada de uma nova frente fria e da entrada de ar polar em Mato Grosso e em Mato Grosso do Sul, não há previsão de chuva. A tendência é de que as áreas de instabilidade e a chuva desta frente fria fiquem bloqueadas sobre o Sul do Brasil, restando apenas o aumento da umidade para os ambos os estados, e principalmente no sábado. 

Climatempo
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade