0

Cuiabá registra maior temperatura da história

Nunca fez tanto calor na capital de Mato Grosso em 109 anos, desde que começaram as medições

13 set 2020
19h48
atualizado às 19h54
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Cuiabá teve a maior temperatura da história na tarde de domingo, 13 de setembro de 2020. O Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) divulgou a primeira máxima do dia às 17 horas (horário de Brasília). O valor foi de 42,7°C e já bateu o recorde histórico, que era de 42,6°C registrado 16/9/2019 e em 10/9/2020. Desde 1911 não se tinha registro de uma temperatura tão alta assim na capital de Mato Grosso.

Outra leitura da temperatura máxima será feita às 21 horas (Brasília), e é possível que o valor da máxima do dia 13 de setembro seja acrescido de mais alguns décimos.

Foto: Climatempo

Além do calorão, Cuiabá também tem sofrido com os índices de umidade relativa do ar críticos. Na tarde do domingo, o aeroporto local chegou a registrar apenas 4% de umidade do ar, o que caracteriza situação de emergência. Pelo INMET, a menor umidade do dia foi de 7%. 

Foto: Climatempo
Fonte: iStock

No dia 10 de setembro de 2020, o Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) registrou 42,6°C de temperatura máxima em Cuiabá. Este valor igualou o recorde histórico anterior de maior temperatura já registrada na capital de Mato Grosso, quando o INMET iniciou as medições oficiais regulares na cidade, que foi registrada em 16/9/2019.

Em 16 de setembro de 2019, a temperatura máxima chegou aos 42,6°C na leitura oficial do termômetro feita às 21 horas (em Brasília) pelo Instituto Nacional de Meteorologia. 

O recorde histórico considera todas as temperaturas, de todos os meses, de todos os anos, desde o início das medições.

E o calorão não para por aí! Na segunda-feira (14), Cuiabá tem temperatura máxima prevista de 42ºC. Na terça e na quarta-feira, a máxima pode chegar aos 43ºC, e a capital mato-grossense pode registrar um novo recorde histórico de calor! 

Veja também:

Previsão Brasil - Nova frente fria avança sobre o centro-sul do país
Climatempo
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade