5 eventos ao vivo

Ciclone atua próximo ao Sul do Brasil

O vento intenso sobre o oceano deixa o mar agitado ao largo do litoral gaúcho e catarinense. Confira!

2 mar 2021
13h00
atualizado em 4/3/2021 às 12h29
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Nesta sexta-feira (5), temos a atuação de um sistema de baixa pressão atmosférica próximo ao litoral do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina, como indicado abaixo. No decorrer da sexta-feira, este sistema se afasta em direção ao alto mar e se intensifica. O aprofundamento desta área de baixa pressão atmosférica vai dar origem a um ciclone que no fim de semana atua em alto mar e influencia o Sul do Brasil.

Foto: Climatempo

Este sistema já foi previsto com características de um ciclone subtropical e hoje os modelos meteorológicos apontam o sistema como um ciclone extratropical. Independentemente da denominação, o ciclone vai provocar vento moderado a forte no litoral do Rio Grande do Sul.

O mapa abaixo, indica a intensidade máxima das rajadas de vento entre esta sexta-feira e o sábado (6). Verificamos que há indicação de rajadas entre 60 e 80 km/h no litoral gaúcho. Em alto mar, próximo ao centro da área de baixa pressão atmosférica o vento é "duro", com rajadas se aproximando de 120 km/h.

Foto: Climatempo

Mar Agitado 

O vento intenso sobre o oceano deixa o mar agitado, principalmente em áreas afastadas da costa, ao largo do litoral gaúcho e catarinense. A altura das ondas em alto-mar chega a 5 metros.

A partir de sábado à tarde, o mar sobe nas praias do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina. No domingo (7) o mar se agita e a altura das ondas nessa faixa litorânea chega a 2 metros e meio, com ondulação de sudeste, como indicado abaixo.

Foto: Climatempo

Na noite de domingo (7)  o mar sobe também no litoral de São Paulo e do Rio de Janeiro, com ondulação de sul/sudeste. A altura das ondas na segunda-feira (8) fica entre 1,5 e 2 metros. A partir da terça-feira (9) a altura das ondas diminui em toda a faixa litorânea entre o Rio Grande do Sul e o Rio de Janeiro.

Veja também:

Previsão Brasil - Frente fria avança pelo Sudeste
Climatempo
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade