0

Chuva se espalha por Santa Catarina e aumenta no Paraná

Situação é de atenção com a persistências das áreas de instabilidade.

22 ago 2018
11h57
atualizado às 12h39
  • separator
  • 0
  • comentários

A chuva continua espalhada pelo estado de Santa Catarina e aumentou sobre o sul e o leste do Paraná, mudando o tempo em Curitiba. A situação é de atenção especialmente no leste catarinense para a persistência da instabilidade e da chuva ao longo desta quarta-feira (22), alertam os meteorologistas. 

Chuva é frequente em SC 

Nas últimas 24 horas, entre às 11 horas de terça-feira (21) e às 11 horas desta quarta, os maiores acumulados de chuva foram de 35,4 mm em Ituporanga, 34,8 mm em Curitibanos, 28,4 mm em Rancho Queimado, 28,2 mm em Major Vieira e 27,6 mm em Novo Horizonte. Vários outro municípios registraram volumes entre 10 a 25 mm. A capital Florianópolis teve 25,2 mm de chuva até o final da manhã de hoje. Todos os dados são do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET). Somando dois dias de chuva no estado, algumas cidades já acumularam volumes superiores a 60 mm. 

"A chuva vai continuar frequente no decorrer da tarde e da noite, caindo moderada em alguns momentos, mas sem a presença de raios. Como será persistente poderá acumular volumes elevados até o final do dia", afirma a meteorologista Fabiana Weykamp. 

No leste do Paraná, incluindo a Grande Curitiba, o tempo também fica fechado e a chuva pode ocorrer a qualquer hora. Desde cedo já chovia na capital. 

Outra região que chama a atenção é sul gaúcho, onde novas áreas de instabilidade atuam provocando chuva nesta quarta. A Grande Porto Alegre, o litoral e a região serrana, também ficam com o tempo chuvoso. 

Foto: Climatempo
Foto: Mário Ziliotto. Florianópolis/SC
 

Na imagem de satélite é possível observar a grande quantidade de instabilidade sobre a Região Sul, resultado de uma frente fria no mar e da atuação de sistemas de baixa pressão ao largo de Santa Catarina e do Rio Grande do Sul. Os ventos úmidos de uma massa polar no oceano também estão soprando constantes sobre o leste catarinense ajudando a manter a nebulosidade. "É a combinação destes sistemas meteorológicos que mantém o tempo instável e as condições de chuva ao longo do dia", completa Weykamp.  

Foto: Climatempo

Quando a chuva diminui?

Amanhã (23), toda a instabilidade tende a perder força sobre o Sul do Brasil. O dia ainda vai começar com bastante umidade e condições para névoa em diversas áreas, mas depois o tempo abre e a tendência é de sol, com elevação nas temperaturas. 

Apenas o estado do Paraná, ainda pode ter algumas rápidas pancadas de chuva, ainda assim o sol já aparece e as nuvens diminuem. 

Climatempo
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade