1 evento ao vivo

Chuva de Florence supera 300 mm em 24h

Furacão tecnicamente enfraquece no fim de semana, mas a chuva persiste volumosa e atinge vários estados da costa leste dos Estados Unidos.

14 set 2018
17h57
atualizado às 18h33
  • separator
  • comentários

Mesmo tendo perdido força e rebaixado para categoria 1 (escala Saffir-Simpson com grau máximo 5) horas antes de tocar o solo dos Estados Unidos, o furacão Florence não deixou de ser uma grande e potente tempestade. A agitação marítima e a chuva forte começaram a ser sentidos especialmente no estado da Carolina do Norte durante a quinta-feira, 13 de setembro, mas as áreas de instabilidade de Florence ainda vão atuar por vários dias espalhando chuva por quase toda a costa leste dos Estados Unidos.

Florence vem dando o seu recado muito bem dado. O Centro Nacional de Furacões dos Estados Unidos (NHC, na sigla em inglês), informou no boletim público de 12 UTC (9h em Brasília), de 14/9/18, que vários locais na Carolina do Norte já haviam acumulado mais de 355 mm de chuva (14 polegadas aproximadamente, que é a medida usada pelos Estados Unidos).

A imagem abaixo mostra o total de chuva acumulado em 24 horas, entre 12 UTC (9h em Brasília) de 13 de setembro e 12 UTC de 14 de setembro registrado por radares meteorológico. A escala à direita está em mm. A grande mancha em tom claro representa volumes de chuva acumulados em 24 horas com mais de 250 mm.

Foto: Climatempo

Total de chuva acumulado em 24h, associado ao furacão Florence, registrado por radar meteorológico

Na manhã de 14/9/18, uma rajada de vento com 169 km/h foi registrada no aeroporto de Wilmington e um operador de rádio amador em Kirkland relatou uma rajada de vento com 158 km/h. Outra rajada de vento com 153 km/h foi registrada por estação meteorológica particular na península Federal Point, no litoral da Carolina do Norte.

Foto: Climatempo

Furacão Florence toca o solo na Carolina do Norte (EUA) em 14/9/18

O que acontece nos próximos dias?

O olho do furacão Florence, que é o centro da baixa pressão atmosférica da tempestade, entrou sobre território da Carolina do Norte na madrugada desta sexta-feira, 14 de setembro, e ainda com ventos de força de furacão de categoria 1.

Florence se movimentava devagar no meio da tarde da sexta-feira, com apenas 7 km/h. No boletim do NHC de 18 UTC (15 horas, em Brasília) de 14/9/18,  este furacão ainda sustentava ventos com 120 km/h.

Foto: Climatempo

Furacão Florence como categoria 1 sobre a Carolina do Norte na manhã de 14/9/18

Florence vai enfraquecer especialmente durante o fim de semana, mesmo assim, ainda vai provocar grandes volumes de chuva por vários estados dos Estados Unidos. A Carolina do Norte e a Carolina do Sul são os estados mais afetados por chuva torrencial e enchentes, mas na projeção para 4 ou 5 dias, o NHC prevê que parte da chuva de Florence seja sentida até no estado do Maine, no extremo norte da costa leste dos estados Unidos.

Veja o mapa de previsão da rota e da intensidade de Florence para os próximos dias: até o começo da manhã do sábado, 15 de setembro, o sistema deve deixar de ser um furacão (H) e decair para uma tempestade tropical (S). No domingo, 16, Florence deve enfraquecer um pouco mais e virar uma depressão tropical (S). 

Foto: Climatempo
Climatempo

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade