PUBLICIDADE

Pesquisadores descobrem 1º sítio de dinossauros da Itália

Local conta com pelo menos sete fósseis, sendo um quase inteiro

2 dez 2021 12h11
| atualizado às 12h33
ver comentários
Publicidade
O biólogo Leonardo Paschoa escava fragmentos de fósseis de dinossauros achados durante obra em rodovia, no interior de São Paulo
O biólogo Leonardo Paschoa escava fragmentos de fósseis de dinossauros achados durante obra em rodovia, no interior de São Paulo
Foto: Eixo SP/Divulgação / Estadão

Pesquisadores da Itália descobriram o primeiro sítio paleontológico de dinossauros do país. O local se chama Vila dos Pescadores, fica perto de Trieste, no nordeste italiano, e já conta com pelo menos sete novos fósseis, sendo um deles praticamente inteiro.

"Há 30 anos, o sítio da Vila dos Pescadores tinha trazido à luz um extraordinário fóssil, um indivíduo praticamente completo de Tethyshadros insularis. Mas foi um achado único, assim cimo todos os outros descobertos no território italiano. Agora, pela primeira vez, temos um depósito inteiro", disse à ANSA Federico Fanti, paleontólogo da Universidade de Bolonha e coordenador do estudo.

"Agora temos um local com muitos indivíduos e onde podemos escavar para analisar e comparar os fósseis", acrescentou. A área fica em uma antiga mina de calcário e inclui entre sete e 11 exemplares, dos quais um está praticamente inteiro e foi batizado como "Bruno".

Todos os restos são de Tethyshadros insularis, herbívoros que viveram 80 milhões de anos atrás e alcançavam até cinco metros de comprimento. O primeiro indivíduo dessa espécie foi identificado na própria Vila dos Pescadores e batizado de "Antonio".

Ao comparar o fóssil de Antonio com o de Bruno, os pesquisadores já puderam determinar que o primeiro era um exemplar jovem, e não uma espécie "anã", como se acreditava até agora. .
   

Ansa - Brasil   
Publicidade
Publicidade