1 evento ao vivo

Jovem recebe primeiro transplante total de rosto nos EUA

21 mar 2011
18h03
atualizado em 7/12/2011 às 17h48

Um agricultor de 25 anos que ficou desfigurado após ter sido atingido por um fio de alta-tensão recebeu com êxito um primeiro transplante total de rosto realizado nos Estados Unidos, informou nesta segunda-feira um hospital em Boston.

Dallas Wiens poderá ter vida nova com um rosto implantado na semana passada por uma equipe de 30 pessoas no Brigham and Women's Hospital de Boston, Massachusetts. A instituição afirmou que se trata do "primeiro transplante total de rosto" realizado no país.

O jovem de Texas ficou ferido em novembro de 2008, quando sua cabeça encostou em um fio de alta-tensão. As queimaduras literalmente "apagaram" seu rosto. Apesar de os cirurgiões não terem sido capazes de devolver sua visão, Wiens está recuperando-se da cirurgia e pode falar, disse o médico que dirigiu a operação, Bogdan Pomahac, em coletiva de imprensa.

"Está desperto e falando por telefone", contou. "A grande notícia de hoje marca um rito no legado do Brigham and Women's no transplante. A ação pioneira da equipe é um presente tornado possível graças ao ato mais generoso que um humano pode fazer por outro: a doação de órgãos", disse a presidente do hospital, Betsy Nable.

Pomahac dirigiu a equipe de médicos, enfermeiros e anestesistas que trabalharam 15 horas para substituir "nariz, lábios, pele facial, músculos faciais e os nervos que permitem as sensações", indicou um comunicado.

O custo de US$ 300 mil da operação foi coberto pelo Departamento de Defesa. O avô de Dallas Wiens, Del Peterson, agradeceu efusivamente aos médicos por sua maratona cirúrgica. "Vocês tornaram esse dia uma viagem espetacular", afirmou. "Dallas sempre disse que depois do acidente tinha duas opções: melhorar ou se amargar. Ele escolheu melhorar. Graças a Deus hoje está melhor".

Dallas Wiens, 25 anos, ficou com o rosto desfigurado após ter sido atingido por um fio de alta-tensão
Dallas Wiens, 25 anos, ficou com o rosto desfigurado após ter sido atingido por um fio de alta-tensão
Foto: AFP
AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 

compartilhe

publicidade