PUBLICIDADE

Patrícia Vanzolini deve ser cabeça de chapa na disputa pela presidência da OAB-SP

6 out 2021 19h36
ver comentários
Publicidade

A disputa pela presidência da OAB-SP deve sofrer uma reviravolta na noite desta quarta-feira, 6. Um dos principais candidatos de oposição a atual gestão, o advogado criminalista Leonardo Sica, deve ser substituído na cabeça da chapa pela também criminalista Patrícia Vanzolini.

A expectativa é que a mudança seja anunciada em uma live nas redes sociais marcada para às 20hs.

A eleição na Ordem, que será em novembro, terá pela 1° vez a obrigatoriedade de uma composição na diretoria com 50% de mulheres e 30% de negros.

Em busca dos votos femininos, Sica deve trocar de lugar com Patrícia e ser candidato à vice presidente.

O atual presidente da OAB-SP, Caio Augusto, que advoga na área civil, concorre a reeleição. A outra força na disputa é liderada pela advogada criminalista Dora Cavalcanti.

Estadão
Publicidade
Publicidade