0

Vaga no STF "seria como ganhar na loteria", diz Moro

23 abr 2019
15h52
atualizado às 16h34
  • separator
  • 53
  • comentários

Em Lisboa para participar de um evento jurídico, o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, disse, em entrevista ao jornal português Expresso que uma eventual indicação para ocupar vaga no Supremo Tribunal Federal (STF) "seria como ganhar na loteria".

Foto: DW / Deutsche Welle

Moro ressaltou que chegar ao STF "não é simples" e disse que o "objetivo é apenas fazer o meu trabalho".

Falando sobre ter abandonado o cargo de juiz para assumir a pasta da Justiça, Moro disse que "ser ministro era um passo necessário na linha de que precisávamos conservar os avanços que tínhamos ganho e também caminhar para frente", se referindo ao combate à corrupção e à criminalidade.

Apresentado pela publicação como um ex-juiz cuja "toga já não sai do corpo", Moro explicou que não poderá mais "retornar à carreira da magistratura", e que, portanto, "deixar a magistratura é um peso".

Veja também:

 

Estadão
  • separator
  • 53
  • comentários
publicidade