1 evento ao vivo

Haddad promete 'tratamento igual' a partidos aliados em SP

30 jun 2012
14h28
atualizado às 14h51

Hermano Freitas
Direto de São Paulo

Haddad discursa na Câmara Municipal durante convenção em São Paulo
Haddad discursa na Câmara Municipal durante convenção em São Paulo
Foto: Adriano Lima / Terra

O pré-candidato do PT à prefeitura de São Paulo, Fernando Haddad, garantiu neste sábado, durante as convenções de PCdoB e PSB, que dará "tratamento igual" a partidos aliados e petistas. Primeiro na convenção dos comunistas, o ex-ministro da Educação disse que os candidatos a vereador da sigla "caminhariam junto" nas ruas com "tratamento igual ou melhor" ao dos petistas. Na convenção dos socialistas, disse que "governará junto" a cidade de São Paulo. Haddad será oficializado candidato do PT nesta tarde.

No último dia de prazo para convenções, PCdoB e PSB oficializaram o apoio ao candidato escolhido pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para concorrer ao gabinete de prefeito paulistano. A postulante a vice-prefeita, Nádia Campeão (PCdoB), discursou no ato político de seu partido e disse ter sido cumprimentada pela ex-prefeita Luiza Erundina, que desistiu da disputa após o anúncio do apoio do deputado Paulo Maluf (PP) à chapa.

"Erundina me ligou, elogiou a escolha e disse que estará junto conosco na campanha", disse Nádia. O vereador Netinho de Paula, que retirou a candidatura em favor de Haddad, declarou que "não há tempo para tristeza", cobrou da direção do partido nome próprio para as próximas eleições e comparou seu gesto a um avião arremetendo o pouso. "Quando um avião desiste de pousar ninguém disse que o voo foi fracassado, mas que foi uma prudência", declarou em seu discurso.

Mirando o voto dos negros com elogios a Netinho e à deputada Leci Brandão (PCdoB), Haddad fez duras críticas às gestões de José Serra (PSDB) e Gilberto Kassab (PSD), dizendo que a cidade "não pode mais ter prefeito de meio mandato ou meio período".

"A cidade não pode mais conviver com este padrão, muito baixo para São Paulo", disse Haddad. Os discursos na convenção do PCdoB atrasaram a convenção do PSB, que estava prevista para as 9h e acabou terminando por volta das 14h.

Fonte: Terra
publicidade