PUBLICIDADE

Política

Eleições 2024: Nunes diz que vai almoçar com Tarcísio na sexta-feira para discutir nome de vice

Governador de São Paulo defende nome de coronel da PM para a chapa do prefeito na disputa eleitoral deste ano

12 jun 2024 - 15h53
Compartilhar
Exibir comentários

SÃO PAULO - O prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes (MDB), afirmou que pretende se reunir nesta sexta-feira, 14, com o governador do Estado, Tarcísio de Freitas (Republicanos), para fechar a questão do vice da sua chapa. Tarcísio, que até pouco tempo dizia que caberia ao prefeito escolher um nome de sua preferência, passou a defender o coronel da reserva da Polícia Militar Ricardo Mello de Araújo para a chapa.

"Eu marquei um almoço com ele para sexta-feira. Eu tive esses dias bem apertado e ele também. Amanhã vou ficar o dia inteiro na região de Aricanduva, então amanhã eu não tenho como, ficou para sexta-feira", disse o prefeito em entrevista após o início das obras de requalificação da Santa Ifigênia, região central da capital.

Nunes, no entanto, não bateu o martelo. O prefeito manteve que a decisão será feita de forma conjunta e de maioria, mas pontuando que Mello ganhou força nos últimos dias. Mello é um nome defendido pelo ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), que condicionou seu apoio à indicação do vice do atual prefeito.

O prefeito declarou na terça-feira, 11, que não aceitará imposição de nomes para compor sua chapa. "Todos serão escutados. Agora, assim, imposição… Vou te dizer muito sinceramente: eu não aceitaria de ninguém, de jeito nenhum", declarou o prefeito. Nunes admite que o PL terá mais peso na indicação por possuir a maior bancada na Câmara dos Deputados.

O acordo para fechar logo a chapa eleitoral ocorre em momento em que coach Pablo Marçal (PRTB) na disputa pela Prefeitura de São Paulo. Marçal aparece com 10,4% na pesquisa CNN/Atlas, com 7% no Datafolha e com 5,1% no Paraná Pesquisas.

Estadão
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade