6 eventos ao vivo

"Brasil é hoje um país favorável para se gerar empregos"

14 dez 2019
21h46
atualizado em 15/12/2019 às 08h46
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O presidente Jair Bolsonaro comemorou neste sábado, em sua conta no Twitter, a nova marca recorde do principal índice à vista da Bolsa brasileira, o Ibovespa, e o menor nível do risco Brasil em sete anos.

Presidente Jair Bolsonaro durante cerimônia no Palácio do Planalto
10/12/2019
REUTERS/Adriano Machado
Presidente Jair Bolsonaro durante cerimônia no Palácio do Planalto 10/12/2019 REUTERS/Adriano Machado
Foto: Reuters

Na sexta-feira (13), O Ibovespa fechou com valorização de 0,33%, aos 112.564,86 pontos, em nova máxima histórica, pelo segundo dia consecutivo.

Já o Credit Default Swap (CDS) do Brasil caiu de 102,97 para 100,89 pontos, ficando no patamar mais baixo desde 7 de novembro de 2012 (100,25 pontos).

"Durante a recessão de 2015, o Risco Brasil, índice que acompanha a confiança dos investidores, chegou a quase 500 pontos. Ontem o Risco atingiu 100,89 pontos, o menor nível desde 2012, e a bolsa de valores fechou acima de 112 mil pontos, renovando sua máxima histórica", escreveu o presidente.

De acordo com Bolsonaro, esses números sinalizam que "o Brasil é hoje um país favorável para se investir, fazer negócios e gerar empregos."

Veja também:

 

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade