2 eventos ao vivo

Bezerra diz ter 15 ou 16 votos para aprovar Coaf na Justiça em comissão

7 mai 2019
17h04
  • separator
  • comentários

O relator da medida provisória no Congresso da reforma ministerial, senador Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), repetiu ter calculado 15 ou 16 votos para aprovar o parecer da norma na comissão mista formada por deputados e senadores. Pelo parecer de Fernando Bezerra, o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) permanece sob o guarda-chuva do Ministério da Justiça e Segurança Pública. Líderes do Centrão pressionam para que o órgão volte ao Ministério da Economia. Dos 28 membros do colegiado, o governo precisa de no mínimo 15 votos.

O governo quer votar o texto da medida na comissão nesta quarta-feira, 8. A medida ainda precisa passar pelos plenários da Câmara e do Senado e perde a validade no dia 3 de junho. O senador disse que é preciso "refletir" sobre os argumentos dos parlamentares. Ele citou que há uma preocupação que os instrumentos de investigação e os dados bancários de movimentações financeiras fiquem na mesma Pasta, mas que a permanência do Coaf na Justiça é importante para o ministro Sergio Moro, "uma peça central do governo", conforme definiu.

O parecer de Bezerra propôs a recriação de dois ministérios: Cidades e Integração Nacional, desmembrando o Ministério do Desenvolvimento Regional. O relator negou que o movimento seja uma "moeda de troca" para manter o Coaf no Ministério da Justiça. "De forma nenhuma", declarou, dizendo que as duas Pastas recriadas vai facilitar o atendimento a municípios e a gestão da Defesa Civil.

Estadão
  • separator
  • comentários
publicidade