12 eventos ao vivo

Alckmin anuncia bônus a policiais e critica 'Lei da Impunidade'

22 mai 2013
07h12
atualizado às 07h22
  • separator
  • 0
  • comentários

O Governo de São Paulo anuncia nesta quarta-feira uma série de medidas para a diminuição da violência no Estado nos próximos meses. Em entrevista ao Bom Dia SP, o governador Geraldo Alckmin antecipou as principais mudanças na Secretaria de Segurança Pública. "Estamos assinando um convênio com o Instituto Sou da Paz e o Instituto Falconi para trabalharmos com os indicadores da violência", disse o governador, que ainda anunciou um sistema de metas para policiais que conseguirem reduzir os índices de criminalidade nas suas áreas. “Será estabelecida uma meritocracia, que chamamos de ‘São Paulo Contra o Crime’. A princípio, colocaremos isso em prática a partir de segundo semestre.” Pelo novo sistema, o policial que cumprir todas as metas poderá receber um bônus de R$ 4 mil. Em um semestre, esse valor poderá chegar aos R$ 10 mil para policiais melhor avaliados.

Especialistas divergem sobre desarmamento no combate à violência

Além do sistema de bonificação, Alckmin prometeu o aumento no número de policiais civis e peritos criminais. Ao todo, serão 4,6 mil novos agentes em campo para ajudar a solucionar os crimes. Ao ser questionado sobre a violência nos últimos meses, o tucano culpou mais uma vez a questão da legislação que, segundo Alckmin, precisa ser mudada urgentemente. “É a Lei da Impunidade. Nós temos uma legislação que não educa, que deseduca. Uma legislação da impunidade. Temos a questão do tráfico de drogas, de armas e das fronteiras abertas. Há uma omissão do governo federal sobre isso”, disse o governador, que defendeu outra vez uma revisão do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). O novo plano de segurança paulista será anunciado oficialmente às 10h30 desta quarta, no Palácio dos Bandeirantes, sede do governo estadual.

<a data-cke-saved-href="http://noticias.terra.com.br/infograficos/mortes-por-arma-de-fogo/iframe.htm" href="http://noticias.terra.com.br/infograficos/mortes-por-arma-de-fogo/iframe.htm">veja o infográfico</a>
Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade