3 eventos ao vivo

MDB não quer ser base, quer discutir uma agenda com o governo, diz Jucá

4 abr 2019
18h00
  • separator
  • 0
  • comentários

O MDB não quer cargos e nem vai pedir nada ao governo, mas quer uma agenda econômica que possa negociar e votar no Congresso, disse o presidente do partido, Romero Jucá, ao sair de um encontro com o presidente Jair Bolsonaro.

Romero Jucá durante entrevista em Brasília
20/05/2016 REUTERS/Adriano Machado
Romero Jucá durante entrevista em Brasília 20/05/2016 REUTERS/Adriano Machado
Foto: Reuters

"O MDB não quer ser base, queremos uma agenda", disse Jucá.

O ex-senador também não se comprometeu com o fechamento de questão para a reforma da Previdência. Apesar de apoiar o tema, o MDB vê algumas questões que precisam ser mais discutidas, como as mudanças nas regras do Benefício de Prestação Continuada (BPC), aposentadoria rural e o sistema de capitalização, explicou.

"O MDB estará unido na Câmara e no Senado. Teremos posições firmes mas não discutimos fechar questão", afirmou.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade