0

Ibama multa Vale em R$250 mi por "catástrofe socioambiental" em Brumadinho (MG)

26 jan 2019
16h20
  • separator
  • comentários

A Vale foi multada neste sábado em 250 milhões de reais pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), devido ao rompimento de uma barragem de mineração em Brumadinho (MG) na sexta-feira, informou o órgão federal em um comunicado.

Equipes de resgates trabalhavam no início da tarde deste sábado na procura de cerca de 300 desaparecidos, após uma avalanche de rejeitos de minério de ferro ter atingido vilarejos e área administrativa da própria Vale, onde havia centenas de funcionários.

"Os danos ao meio ambiente decorrentes do rompimento de barragens da mina Córrego do Feijão resultaram até o momento em cinco autos de infração no valor de 50 milhões de reais cada, o máximo previsto na Lei de Crimes Ambientais", disse o Ibama, que chamou o ocorrido de "catástrofe socioambiental"

O Ibama ressaltou ainda que "autos de infração relacionados ao licenciamento das atividades de mineração cabem ao órgão estadual de Meio Ambiente, responsável pela licença de operação do empreendimento".

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade