0

Haddad diz que empresário Josué Gomes teria perfil para ocupar Fazenda

11 out 2018
21h12
atualizado às 21h37
  • separator
  • comentários

O candidato do PT à Presidência, Fernando Haddad, disse em entrevista à rádio CBN nesta quinta-feira, quando questionado sobre o futuro ministro da Fazenda em eventual governo petista, que o empresário Josué Gomes da Silva seria "um grande nome" e que teria perfil para ocupar o posto.

Candidato do PT à Presidência, Fernando Haddad, chega para entrevista coletiva em Brasília
11/10/2018 REUTERS/Adriano Machado
Candidato do PT à Presidência, Fernando Haddad, chega para entrevista coletiva em Brasília 11/10/2018 REUTERS/Adriano Machado
Foto: Reuters

Na entrevista, Haddad voltou a dizer que, se eleito, não nomeará um banqueiro para comandar a pasta e criticou o economista Paulo Guedes, escolhido pelo candidato do PSL, Jair Bolsonaro, rival do petista no segundo turno da eleição presidencial, para comandar a economia caso seja eleito.

O candidato do PT foi indagado se poderia adiantar algo sobre quem ocuparia o Ministério da Fazenda em seu eventual governo e foi diretamente indagado sobre Josué, que é filho do ex-vice-presidente da República nos governos do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

"O nosso ministro da Fazenda será um economista ou um empresário. Você citou um que é um grande nome, que foi cotado para ser vice na nossa chapa, que tem todas as condições, de perfil, e sensibilidade social. Ou seja, geração de empregos e não cortar direitos sociais. Este é o perfil que eu busco", disse Haddad.

O petista disse que Guedes não entende de geração de empregos, mas sim de ganhar dinheiro "especulando no mercado financeiro". Haddad lembrou que participou da equipe econômica do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva como assessor especial do Ministério do Planejamento.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade