"Fizeram alguma maldade", diz Bolsonaro sobre desaparecidos

O presidente Jair Bolsonaro (PL) disse nesta segunda-feira, 13, que "fizeram alguma maldade" com o jornalista britânico Dom Philips e o indigenista Bruno Pereira, considerados desaparecidos desde 5 de junho no Vale do Javari, na Amazônia. "Os indícios levam a crer que fizeram alguma maldade com eles, porque já foram encontrados boiando no rio vísceras humanas, que já estão aqui em Brasília para fazer DNA", afirmou em entrevista para a 'CBN Recife'. Bolsonaro acrescentou que será difícil encontrar os dois com vida. "Pelo prazo, pelo tempo, já temos oito dias, [estamos indo para] nono dia, que isso aconteceu. Vai ser muito difícil encontrá-los com vida. Peço a Deus que isso aconteça, mas os indícios levam para o contrário no momento". Mais cedo, Alessandra Sampaio, esposa do repórter britânico disse ao jornalista André Trigueiro que os corpos dos dois haviam sido localizados. Em nota, a Polícia Federal negou a confirmação e afirmou que até o momento foram encontrados apenas 'materiais biológicos que estão sendo periciados', além de pertences pessoais dos desaparecidos.

Fonte: Redação Terra
Publicidade

Vídeos relacionados

Recomendado para você

Publicidade