Rio confirma sete casos de covid-19 com novas cepas do coronavírus

Prefeitura decide manter todo o município com classificação de 'risco alto'

26 fev 2021
0comentários
Publicidade

RIO - A prefeitura do Rio decidiu manter todo o município com classificação de "risco alto" para a covid-19, apesar de três das 33 regiões administrativas da cidade terem apresentado melhoras nos índices. O motivo foi a confirmação de mais três casos da doença ocasionados pelas novas variantes do coronavírus. Com isso, já são sete casos confirmados na cidade.

De acordo com a prefeitura, os novos casos da variante P1 foram identificados em um homem de 54 anos, que residia no centro e morreu em um hospital da rede privada no dia 21, e em duas mulheres - uma moradora do Recreio dos Bandeirantes, de 71 anos, e outra do Parque Anchieta, de 21. Ambas estão curadas. Todos eles tinham históricos de viagens recentes, dois deles a Manaus e um a São Gabriel da Cachoeira, também no estado do Amazonas.

Do total de sete casos confirmados até agora, seis são da variação P1 e um da B.1.1.7, de origem britânica. Três deles não tinham histórico recente de viagem, e por isso foram considerados casos de transmissão dentro do próprio Rio.

"Com a possibilidade dessas novas variantes, decidimos manter o risco alto, com restrições para toda a cidade. A gente não pode afrouxar, se tranquilizar neste momento", disse o prefeito Eduardo Paes (Dem). "A realidade que vemos no Brasil é muito complexa. A chance de (as variantes) chegarem no Rio não é pequena, tem uma chance grande."

Estadão
Publicidade
Publicidade