1 evento ao vivo

CNBB adia a 58ª Assembleia Geral dos Bispos para abril de 2021

Entidade transfere data do evento como medida de prevenção contra a pandemia de covid-19

26 jun 2020
16h02
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) adiou a 58ª Assembleia Geral dos Bispos para abril de 2021, em Aparecida, interior de São Paulo. Este é o segundo adiamento forçado do evento em razão da pandemia do novo coronavírus — a data original, entre 22 e 30 de abril de 2020, havia sido alterada para 12 a 20 de agosto deste ano, mas acabou transferida para o ano que vem.

O órgão tomou a decisão em reunião virtual do Conselho Permanente da CNBB nesta quinta-feira, 25, após aprovação dos 46 bispos que integram o grupo. Trata-se de uma medida para prevenir o contágio da covid-19, informou dom Joel Portella Amado, secretário-geral da CNBB e bispo auxiliar do Rio de Janeiro.

A principal reunião para tomada de decisões que norteiam a Igreja Católica do Brasil reuniu, em 2019, mais de 400 bispos de todas as regiões do País, no Santuário Nacional de Aparecida. Segundo o estatuto canônico da CNBB, a Assembleia é o órgão supremo do bispado brasileiro e define os rumos do clero, a partir das diretrizes do Vaticano. A reunião acontece uma vez por ano e pode ser convocada extraordinariamente para fins de urgência.

O secretário-geral da CNBB, bispo d. Joel Portella Amado
O secretário-geral da CNBB, bispo d. Joel Portella Amado
Foto: Marcelo Camargo/Agencia Brasil / Estadão

Na reunião que definiu o adiamento para abril de 2021, os bispos também abordaram o texto preparatório da Assembleia, cujo tema central será "a Palavra de Deus". Segundo o presidente da CNBB e arcebispo de Belo Horizonte, dom Walmor Oliveira de Azevedo, o texto poderá contribuir com uma abordagem mais prática para que os cristãos vivam sua fé de forma coerente.

Além disso, os membros do Conselho Permanente discutiram o Plano Estratégico de Comunicação da entidade, com atualizações sobre as realidades locais em meio à pandemia de covid-19. A reunião também divulgou o informe financeiro da entidade.

Veja também:

Flagrado com dinheiro na cueca, Chico Rodrigues pede afastamento do Senado por 90 dias
Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade